Manifestantes bloqueiam a BR-470 em Nova Prata

A Serra gaúcha tem pontos de bloqueios em rodovias estaduais e federais na manhã desta segunda-feira (1). Eles iniciaram ainda na noite de domingo (30) em apoio ao presidente Jair Bolsonaro (PL), que perdeu a eleição para Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Em Nova Prata, no km 159 na BR-470, manifestantes estão concentrados no trevo Sul de acesso à cidade. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) ainda não chegou no local, mas de acordo com os policiais, o bloqueio é total. Foram divulgados vídeos que mostram os manifestantes realizando a queima de pneus sobre a pista.

Confira a última atualização de pontos com bloqueios nas rodovias federais no Rio Grande do Sul, divulgada pela PRF:
(Atualizado: 10h25)

BR 386 KM 435 em Nova Santa Rita – bloqueio total (com siga-pare)
BR 116, km 41 em Vacaria – bloqueio total
BR 116, km 44 em Vacaria – bloqueio total
BR 470, km 225, em Garibaldi – bloqueio total
BR 470, km 159, em Nova Prata –bloqueio total
BR 392, km 66, em Pelotas – bloqueio total
BR 386, km 136 em Sarandi – bloqueio total
BR 285 km 199, em Lagoa Vermelha – bloqueio total (em averiguação)
BR 285, km 460, em Ijuí, acesso a Cruz Alta – bloqueio parcial – trânsito fluindo pelas alças
BR 285 km 496, em Entre-Ijuís – cerca de 50 manifestantes – bloqueio parcial (veículos desviando pelo pátio do posto de combustível, com formação de filas)
BR 285 km 564, em São Luiz Gonzaga – bloqueio total no trevo de acesso secundário à cidade – em averiguação

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Um Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios