Notícias

Carreata reivindicando volta às aulas presenciais está sendo realizada em Veranópolis

"A nossa principal reivindicação é que a educação possa estar entre os serviços essenciais", afirma uma das organizadoras do evento.

Na noite desta segunda-feira, dia 22 de fevereiro, uma carreata está sendo realizada em Veranópolis, com o objetivo de reivindicar o retorno das aulas presenciais, que estariam acontecendo neste dia.

O movimento é realizado por pais e alunos, que afirmam que a escola é o local mais seguro para manter as crianças nesse momento. Além disso, a busca é que a vacinação seja feita nos profissionais da educação, como prioridade.

– A nossa principal reivindicação é que a educação possa estar entre os serviços essenciais, o que vai permitir […] que elas possam atender as crianças e os adolescentes que precisam das aulas presenciais – aponta Karina, uma das organizadoras do evento.

A reivindicação é feita dias após a delimitação do governo do RS que aponta que as aulas presenciais devem ser canceladas em todo o estado, por conta do aumento no número de casos da covid-19. Essa situação impossibilitou a volta às aulas que estaria acontecendo, majoritariamente, nesta segunda-feira, na cidade.

Entretanto, no final desta tarde, uma liberação foi realizada pelo governo estadual: agora, educação infantil, 1º e 2º ano poderão retornar às aulas presenciais. A reivindicação dos pais, porém, continua, pois a busca dos envolvidos na carreata é que a volta seja de forma unânime, para todos, mantendo a segurança por meio de protocolos.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

132 Comentários

    1. Jeferson Henrique a polícia faz de conta que focaliza e a galera faz de conta que se cuida, na pagodeira de ontem álcool só das bira mesmo, e máscara só de quem não teve vergonha de postar nas redes…

  1. Acho bem bacana essa liberdade de reivindicar… Só fico imaginando se fossem os professores reivindicando por vacinas, qual seria a reação das pessoas. Será que ouviríamos incentivos e teríamos pessoas nos apoiando ou como muitas vezes já ouvimos que seria mais um motivo para querer ficar em casa?

    Quero aula presencial sim!!! Já está mais do que na hora, desde que seja com responsabilidade e segurança!

    1. Ana Paula Donadelo aí que está… Não existem lutas mais ou menos importantes… Existem lutas diferentes! Precisamos nos unir! Buscar este direito dos trabalhadores da educação!

    2. Karina Weiss participei e acho que essa luta é válida afinal nos da iniciativa privada estamos a um ano trabalhando e correndo risco sem nem expectativa de vacinas todas as lutas são válidas e todas as proficoes são importantes eu acho

    3. Ana Paula Donadelo tens muito professores que tavam na praia e não tavam nem aí no meu ponto de vista deveriam vacinaren quem tem problema de saúde ,idosos e professores com problema de saúde porque escuto e só uma gripezinha quem é jovem não tem problema é tens muita professora jovens.

    4. Luci Mezzalira concordo… Não estou dizendo que uma.profissao é menos importante que a outra. Porém, é preciso saber que além dos protocolos, nas Escolas, principalmente de Educação Infantil, é impossível proporcionar uma boa socialização frente os protocolos necessários. Não sou contra o funcionamento, porém, todos precisam estar cientes e ter os pés no chão sobre o funcionamento de tudo numa Escola. E como já citei antes num post da minha página pessoal, eu acho até que seria interessante abrir a Escola para alguns jovens e adultos aprenderem com os pequenos como seguir os protocolos.

    5. Elisane Orte eu não fui na praia e nem sai nas minhas férias. Mas quanto aos que saíram, são adultos e provavelmente devem ter seguido os protocolos pois estão cansados de saber. Não dá pra comparar praia, a céu aberto, com sala de aula. Entendi teu ponto de vista e espero que tbm entenda o meu. ☺️

    6. Ana Paula Donadelo Também quero a rotina minha vida particular e profissional de volta. Sou professora, mãe de três meninas e sei a importância da escola para o desenvolvimento delas em todos os sentidos… Mas sigo as orientações das autoridades competentes, ou seja, de quem sem conhecimento de causa. Saúde em primeiro lugar!

    1. Luis Henrique Andrighe Na época da corrupto, analfabeto, ladrão e tinha-mos qualidade de vida,empregos, economia em alta,dólar baixo, combustível com preço assececivel , agora tu v dizer que esse barabosta é um presidente. Pare….,

    2. Ivandro Márcio Zinda tudo isso que vc disse que tinha, veio a tona a pouco, desvios, roubos, vivi o tempo do Lula e se vc pegar o salário daquele tempo, seria o mesmo que agora em relação ao preços, mas é como digo, o povo não quer um presidente honesto, prefere os corruptos aquele, que são bons porque distribuem as coisas com uma parte do valor que são das pessoas mesmo…

    3. Ivandro Márcio Zinda ele não é honesto??? Lembrando que mesmo com pandemia o Brasil deu um salto na economia, em relação a gasolina, ele pediu as governadores e veja oque elas fizeram??? Não apoiaram a baixa do mesmo, porque será???

  2. Povo ignorante mesmo o que perdemos em 1 ,2 ou 3 anos conseguimos recuperar , uma vida não se recupera ,não é comparado em perder uma vida , estamos falando de vidas , povo ignorante que só olha pra si.

    1. Edemilson Carobin não conseguem aturar os filhos em casa,que nem se importam com a situação que estamos vivendo,que vidas estão se indo e acham normal!Triste,mas infelizmente nem todo mundo pensa como a gente.

    2. Edemilson Carobin eu nao sou uma pessoa ignorante , pois preciso q meu filho volte a ter rotina dele de volta vc sabe o q e ter uma criança autista em casa sem rotina a qual sempre foi feita com cuidados , se tu não sabe o q e autismo e tudo q vem com esse espectro procure na internet dai vc ver

    3. Adriana Ayres sei muito bem o que é uma pessoa com autismo não necessito pesquisar ,nem em internet nem em Google e não gostaria de discutir contigo em respeito a seu filho . Creio que deves ter entendido meu comentário .

    4. Eu ñ tenho filhos pequenos Mas tenho netos se depentecem de mim ñ voltavam a estudar no colégio tem aula em casa gente tá sério mais doque no início eu preferia que pertence 1 quantos for mais a vida ñ como perdeu meu cunhado depois que ir Ñ volta mais vamos pensar ñ é nada normal ñ tá normal por favor

    5. Edemilson Carobin concordo,perdi vários amigos e familiares por conta desse vírus….mas só quem passa sabe da dor….o resto meu amigo ….acena e sorri…. talvez estão querendo se livrar dos seus.

    6. Josiane Soares
      Não é que os pais não estão aturando mais os filhos, é questão da importância dos estudos pras crianças.
      Que qui adianta não volta as aulas se a muitos pais desnaturados que levam seus filhos pra praias, vão viajar.
      Aí ninguém fala nada é tudo certinho.

  3. Cada opinião gente não gostou não manda seu filho é pronto!!!
    Igual em casa os nossos filhos correm risco porque temos que trabalhar ir r voltar podendo trazer o vírus, a volta as aulas só vejo mímimi mas as festas clandestinas os bares abertos não vejo a indignação!!!
    Chega volta as aulas sim…
    Se não é a favor guarde sua opinião ou não manda seu filho pra escola…

  4. Não concordo, pois não tem como ter um controle tão eficas, pois crianças são crianças, não vão conseguir ficar com máscaras todo momento, tem a questão do abraço das brincadeiras, acho que antes de uma vacina boa não poderia voltar…

  5. Escola não é depósito para nossos filhos! Julgaram taxavam os professores de vagabundos e hoje só não incrédulos sabem a diferença que a escola e o professor faz em nossas vidas.

  6. Que lástima! Na contramão… li por aqui: ‘que pena que o vírus não é seletivo’. Tipo: poderia identificar o negacionismo e a ignorância e preservar quem está seguindo os protocolos e crê na ciência!

  7. Quantos comentários desnecessários!!! Jesusss!!! Tudo tem q ser disputa???? Do sim é do Não volta??? Cada um faz o que quer com seus filhos, Quem não quer q fique em casa….Cada um sabe de si…

  8. Nada contra mas está mais do q na hora de voltar, e sem blá blá blá.. ngm quer deixar seu filhos na escola simplesmente por deixar, já pararam p pensar q eles precisam estudar.. Ou melhor viram casos de violência, casos de obesidade, outros de desnutrição, com crianças devido a pandemia??
    Nós da enfermagem fomos vacinadas🙌 mas trabalhamos um ano sem vacinas.. Não pude ficar em casa com minha filha em nenhum momento,como muitos puderam….eles precisam é um direito e ponto… quem não quer dar aula que peçam as contas e fiquem em casa se protegendo e quem não quer mandar os filhos a mesma coisa…

    1. Vanessa Pasqualon isso mesmo👏👏👏Nós da saúde não tivemos férias e nem folga, sempre tivemos em risco não paramos, colocamos nosso familiares em risco todo dia por mais cuidado q temos . Já está na hora de parar com essa novela de dizer q se abrir a escola vai ser uma chacina, toda profissão tem risco, temos q nos adaptar ,nos proteger e continuar nossas vidas.

    2. Vanessa Pasqualon tenho certeza que os professores não escolheram estar nessa situação tão difícil. Os profissionais da saúde sempre foram destaque nessa pandemia. Mas os professores também fizeram a sua parte do jeito que deu. Muitos queriam voltar há muito tempo atrás.

  9. Aulas presenciais não pode ne mas fazerem aglomerações la no postinho e em outros lugares ai isso pode dai la nao pega covid que tão tudo amuntuado sem mascara to de saco cheio disso

  10. O problema é o povo que não consegue usar uma simples máscara e se higienizar e quanto as crianças são mais disciplinadas que os adultos, eu também morri de medo minha família sempre se cuidou, mas tá chegando num ponto que não dá mais isso não vai acabar hoje ou amanhã já passou um ano vai mais um e mais sabe quantos, então vai deixar as crianças dentro de casa sem interagir, sem estudar, sem brincar sem aproveitar a melhor fase da vida, com cuidado e prevenção podemos levar um vida quase normal é só se adaptar

  11. O Brasil só deixará de ser “terceiro mundo” quando a educação for valorizada. A vacinação deveria ser prioridade as professoras e não deveriam defender tanto os presidiários. Se tivéssemos cadeira elétrica. Serviço forçado de detentos e valor as professoras. TD seria diferente.

    1. Márcio Kade na greve dos caminhoneiros, o que deveríamos ter feito???? Vcs lutavam pelo valor do diesel e frete, condições de dinheiro, agora o professor luta pela saúde, não apenas sua, e sim pela do aluno e seus familiares, não é o professor que não quer voltar, pq está trabalhando o triplo (agora está de ferias merecidas) basta vacinar eles, não adianta iniciar as aulas assim e daqui duas semanas dois ou tres professores estarem com covid, escola terá que ser fechada, meras medidas agora não servem. Mas cada um pensa do seu jeito e apenas no seu umbigo, por isso o Brasil não vai para frente.

    2. Reginaldo Soares seria bom no caso dos motoristas, mandarem os caminhoes viajar e controlar de casa, quem tem um restaurante, atender os clientes de casa, quem tem uma oficina, arrumar os veículos de casa pelo computador, isso é pensar no proprio umbigo.

    3. Evandro Rossetto salário garantido??? Não é meu caso, pois sou contrato como a grande maioria dos professores do estado, mas entendo seu raciocínio, em nenhum momento falei que era contra o retorno, basta ja ter vacinado os professores, escola sem professor tbm não servirá para o ensino do aluno, ou…. não vou entrar em outros quesitos. Pq não vacinaram os professores? Ou criam uma maneira segura para todos, brasileiro adora jogar a culpa no professor

    4. Reginaldo Soares nunca fui contra BONS professores, vc falou que cada um so olha seu proprio umbigo, nessa pandemia,quem está olhondo so p seu umbigo, é quem tem seu ganho garantido, aí quem precisa correr atraz, querem que fiquem em casa, se saírem p ganhar o pão, são irresponssáveis

    5. Evandro Rossetto nas suas comparações, não existe logica. Como falei, aposto que todos os professores/EDUCADORES SÉRIOS gostariam de estar em sala de aula, sem dúvida, não culpe o professor, pois somos meros funcionários.

    6. Reginaldo Soares nso estou culpando professores, falo de modo geral, todos q tem seu ganho garantido mesmo em casa, acham que tem q parar tudo, esses pensam somente no seu umbigo, não distorça as coisas.

    1. Jéssica Cristina Tedesco a nossa pequena Ayla com seis meses está em uma escolinha de educação infantil e tu não faz ideia do comprometimento dos professores em relação ao vírus .Obedecem todas as normas com louvor..sem nenhuma dificuldade.Tanto que lutaram com todas as forças bosta que não fechassem a escola.Só pra te dizer que conseguiram.

    2. Jéssica Cristina Tedesco e continuará existindo com vírus ou sem vírus.Tidos devemos nos adaptar em um momento tão delicado…não importa se for em uma escola ,ou em um comércio ou em uma empresa e em um hospital é só seguir os cuidados que todos já estão carecas de saber .
      Vida que segue 🙏 tudo passa .

  12. Essas mãezinhas que estão contra a volta as aulas são as mesmas que viajam, vão a praia, saem trabalhar, dentre outros passeios, mas apenas na escola os filhos correm risco, enfim a hipocrisia. Volta as aulas sim, vacinação para os professores ao invés de dar prioridade aos presidiários 🤬🤬

  13. Como profissional da educação, o povo tem que entender que o professor não tem culpa, não vi nenhuma manifestação de professor contra a volta das aulas, basta vacinar os mesmos, o que adianta abrir a escola e daqui duas semanas não ter professores devido estarem com covid, o que adianta? A escola fechará por falta de professores. Não coloquem a culpa nos professores, eles são funcionários do governo e do município, e respeitam as ordens superiores. Aposto que muitos professores como eu, gostaria de voltar (de forma segura), pq a distância estamos trabalhando o triplo pra mais, só que isso o povo nao vê.

    1. Reginaldo Soares o profissional da educação deve ser muito valorizado e precisa ser prioridade! Mais do que nunca a sua importância se destaca! Eu tenho certeza de que o Professor que trabalhava 40 horas está trabalhando pelo menos 60… Não tem dia e nem hora, está sempre disponível… Temos que parar de nos colocarmos como opositores… Não somos! Somos todos trabalhadores, cada um no seu espaço, e que buscam fazer o trabalho com qualidade! Quando a educação for considerada essencial, nossos argumentos se fortalecem. Não existirá o cenário ideal em pouco tempo, teremos adversidades… Mas todos precisamos querer e nos mobilizar, não basta dizer que só voltamos com vacinas… Vamos levantar está bandeira juntos!

  14. Precisamos que voltem as aulas para os nossos filhos pois a educação não pode parar as crianças não aprendem em aulas online eles precisam de professores para ensinar sou super a favor que voltem as aulas.

    1. Marizete Soares Teixeira é que nos bares não existem funcionários… Não existe empregos e famílias sendo sustentadas… Hipocrisia do povo não tem limites!
      Então oque gera empregos são só as empresas e firmas ???????

  15. Eu assumo minha responsabilidade em levar minha filha para a escola. Assumo a minha escolha. Da mesma forma que assumi a responsabilidade de não ir a praia, de não me reunir com toda minha família no Natal e Ano Novo, de não me aglomerar em bares, restaurantes, pagodinhos. Cada um sabe de sua realidade. Quem está desejando o mal a quem esteve na carreata, universo é um espelho, reflete o que tu manda.
    O muito obrigado a todos que estiveram na carreata hoje, aos vereadores que colocaram em pauta o retorno das aulas, a quem apoiou da janela, sacada e calçada, e a quem ajudou a dar voz a nossa reinvidicação.

  16. Meu Deus o governador disse q os pequenos da educação infantil e os de primeiro é segundo ano do fundamental sim , esses q ñ sabem manter os protocolos de distanciamento, espirram em cima dos coleguinhas em professores porque são pequenos!!! Agora os alunos maiores q sabem fazer o distanciamento, fazer uso da máscara ñ pode ir para escola?! É o fim!! Pagando mais de três mil reais por mês para minha filha ter aula online!!! Sendo ela adulta e sabe todos os protocolos!!!

  17. Todos nós estamos trabalhando sem vacinação de forma incansável, já contraímos o covid e não paramos.
    Filhos com a educação a distância seriamente comprometida, crianças das séries iniciais são as mais prejudicados sem condições de acompanhar aulas online .
    Não se crítica os professores até porque são regras de um governador banana. Vamos lá país e professores juntos favoráveis ao retorno as aulas presencias . Vida que segue!!

  18. Não se preocupem antes das crianças e dos professores quem tem preferência é os presos na cadeia. Eles tem preferência pois são melhores que nós pro governo. Eles ganham pra ficar preso e quem paga somos nós.

  19. Quem tem cuida dos filhos são os pais agora tão querendo se livra a todo custo não tão se importando se vão manda os filhos pra morte tem que prende eses pai i mãe que não se importa com a saúde dos filhos

  20. Não adianta, prefiro eles na escolinha pois tds trabalhamos fora, eu sou comerciante então lá entra td o tipo de pessoas, além disso sabemos que td o cuidado é pouco, é tbm sabemos que uma hora iremos pegar tbm, o que eu quero dizer com isso, que eles indo ou não indo a escola eles estão aptos a pegar tbm

  21. tem que voltar às aulas sim porque as pessoas quando fico em casa querem sair para praia fazer festinha tá todo mundo reunido fazendo tumulto daí quando chega a hora de criança ir para escola daí da Bandeira preta daí as pessoas perdem seus empregos e não sabem o porquê né vai na sexta sábado e domingo ali naquele postinho ali para te ver o que que é de gente ali todo mundo bebendo trancando as ruas e ninguém faz nada né diz que vai mandar a polícia para dispersa tumulto mas continua sempre a mesma bosta não fazem nada daí quando chega ali no sentinela na segunda feira e cheia de gente mas no final de semana e só festinha vão criar vergonha na cara mas na hora de mandar alguém ali para espantar o tumulto ninguém vai daí agora as pessoas que trabalham perdem seus empregos as faxineira perde seus empregos por burrice de pessoas que não consegue segurar o seu rabo em casa por culpa do povo

    que fica fazendo festinha enchendo a cara fazendo festinha clandestina volta às aulas sim

  22. Realmente não sei o que é pior… Passeata em prol a volta as aulas, um argumento mais burro que o outro, ou essas falsas justificativas absurdas… Professor, para executar a função, necessita vacina. Simples. São tão linha de frente quanto nós, profissionais da saúde, a diferença, é que nós recebemos, ou deveríamos receber as devidas instruções. Argumentar que trabalhou como linha de frente por ser profissional da saúde e se achar o máximo é a mesma coisa que argumentar que ver alguém atravessando na faixa de pedestres e parar, não passa do mínimo. Para ser profissional de saúde, pelo menos um que se preze, tem de se ter a noção de que cada escolha, uma renuncia, é o mínimo. Havendo possibilidade, todos seriam a favor de volta às aulas presenciais, sem exceção. Porém, ficam alguns pontos a serem analisados, tal como a importância da atuação professor em sala. É complicado ensino a distância para os pais e crianças, aos pais muitas vezes por dificuldade em relação a tempo, o que é compreensível, mas muitas vezes por descaso, se coloque um minuto no lugar do docente, se achas ruim acompanhar uma aula por dia, imagina lecionar várias, para inúmeros alunos, e ainda ter que aguentar a ignorância dos pais dos mesmos… A maior parte das pessoas que bate o pé por volta presencial, não tem a mínima noção de nada, nem de viver em sociedade, nem de cuidados básicos, muito menos de infectologia. Não é generalizar, mas “exigir” como se estivesse com 100% de razão beira o absurdo. Todos sabem que os pais trabalham, e podem contaminar as próprias crianças, porém a questão nunca foi SÓ essa, a falta de empatia, coloca esse ponto como central, a não volta às aulas, se dá por uma soma de fatores, pois acreditem ou não, professores também tem família, e acreditem, eles não querem se contaminar…

    1. Leonardo Nunes a questão não é só sobre a volta as aulas , mas sim se para o Brasil a educação realmente importa , pois o que se vê já a um tempo é que ela já não é tão interessante para os “ grandões “

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios