Notícias

Em Veranópolis, número de pessoas em vulnerabilidade social aumenta em 2021

Em 2020, cerca de 270 famílias recebiam o Bolsa Família, número que subiu para 350 em 2021

Por conta da pandemia e da consequente crise econômica o número de pessoas em vulnerabilidade social aumentou significativamente em 2020. Essas dificuldades, em Veranópolis, seguiram se acentuando, também, em 2021. Dados da Secretaria de Desenvolvimento Social, Habitação e Longevidade apontam que houve aumento no número de famílias beneficiadas pelo Bolsa Família, passando de 270 em 2020 para 350 em 2021.

Esse indicador é utilizado para avaliar a situação de vulnerabilidade em uma localidade. O benefício é disponibilizado para famílias em situação de pobreza ou extrema pobreza, ou seja, núcleos que têm renda mensal de até R$ 89,00 por pessoa ou entre R$ 89,01 e R$ 178,00 por pessoa.

Além disso, a Assistência Social do município distribui, mensalmente, cerca de 130 cestas básicas para famílias carentes. A procura, afirma a pasta, também cresceu ao decorrer deste ano, fato que é decorrente, também, do aumento consecutivo no preço da cesta básica.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

2 Comentários

  1. Isso era visto bem antes. Mas o pessoal do fica em casa e fecha tudo não estava nem ai. Impuseram determinadas situações inclusive inconstitucionais, detalhe, sem ter ocorrido nem mesmo um caso do vírus na região, nem ao menos uma suspeita. Depois acharam mais fácil trancar 25.000 pessoas em suas casas, destas muitas perderam o sustento e com o fechamento das empresas o emprego, do que isolar meia dúzia de contaminados ou com suspeita do vírus. Situações inadmissíveis e a gora a culpa é de quem? Do inverno? Dos desempregados? Certamente vão encontram em quem ou no que por a culpa, para que suas medidas autoritárias sejam esquecidas.

  2. A grande verdade é que a grande maioria ai é um bando de [email protected] que querem viver de auxílios de governo.

    As empresas estão contratando, o pessoal do interior não encontra ngm para trabalhar na safra.

    Vão catar coquinho, quem se sensibiliza com essa caterva. Conheço bem essa gentalha, são um bando de encostados só que ngm fala isso pq é politicamente incorreto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios