You dont have javascript enabled! Please enable it!

Geral Policial

Operação da Brigada Militar salva bebê que estava engasgado em Vacaria

Na tarde desta quarta-feira, 16 de setembro, a Brigada Militar de Vacaria realizou atendimento de primeiros socorros em bebê que passava mal devido a ingestão de medicamento.

O atendente do telefone de emergência 190 recebeu ligação de uma mulher informando que seu neto estaria engasgado após ter ingerido medicamento em residência do bairro São Francisco. Segundo ela, a criança estaria já perdendo os sentidos e ficando com a pele arrochada. O operador, Sd Antunes, despachou uma viatura para ir no endereço informado ao mesmo tempo que orientava a comunicante nos procedimentos de atendimento pré-hospitalar a fim de manter a criança com sinais vitais até a chegada da equipe policial.

Quando os Policiais Militares chegaram na residência a avó entregou o bebê e foi iniciado desobstrução das vias áreas dela, em seguida os policias deslocaram com a criança ao Hospital Nossa Senhora da Oliveira. As demais viaturas da Brigada Militar que estavam de serviço no momento da ocorrência bloquearam os cruzamentos para que pudesse ser agilizadado o socorro médico.

A criança foi entregue consciente para a equipe do HNSO, após atendimento médico foi estabilizado e entregue aos familiares. Com autorização da mãe, Isac posou para fotos com os policiais.

A primeira imagem é com a guarnição que foi até sua residência (Sd Gasparini, Sd Diogo e Sd Murilo) e na segunda o Sd Antunes, que atendeu a emergência pelo telefone 190 e repassou as primeiras orientações.

ATENÇÃO! Quer continuar receber as notícias da Studio no seu WhatsApp? Então clique aqui e faça parte do novo grupo. Os grupos antigos deixaram de funcionar devido a uma atualização do WhatsApp.

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

error: Este conteúdo é protegido