Criança de dois anos é levada morta a posto de saúde no Litoral Norte gaúcho; caso é investigado

Um menino de dois anos de idade chegou morto, no fim da tarde desta sexta-feira (14), no Posto de Saúde 24 horas de Cidreira. Como havia marcas no corpo da criança, a Brigada Militar (BM) e o Conselho Tutelar foram chamados e, logo depois, a Polícia Civil iniciou o trabalho de investigação do caso, as informações são do Portal Litoral na Rede.

De acordo com o titular da Delegacia de Polícia de Cidreira, delegado Rodrigo Nunes, o menino foi levado pelo padrasto até a unidade de saúde. O homem estava acompanhado por seu pai.

Segundo ele, o corpo da criança foi encaminhado para necropsia para apurar a causa da morte. “Precisamos do resultado do exame para saber se o menino foi agredido ou se tinha alguma doença pretérita que ocasionou as manchas no corpo da criança”, explicou o delegado ao Litoral na Rede.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Podemos exibir anúncios para você?

Parece que você está usando um bloqueador. A exibição de conteúdo publicitário contribui para fazer a informação chegar a você, de forma fácil e gratuita. Por favor, libere a exibição de anúncios para liberar a visualização da notícia.