Ciclone Yakecan já deixou um morto e um desaparecido desde a noite de ontem

Conforme a MetSul Meteorologia, o ciclone que se aproxima do Rio Grande do Sul e do Uruguai já deixa uma pessoa morta e outra desaparecida. Em Porto Alegre, devido aos fortes ventos que sopram deste ontem à noite com a queda da pressão atmosférica na área oceânica, um barco de pescadores naufragou no Lago Guaíba. Um homem de 51 anos desapareceu nas águas, quatro homens, integrantes de um grupo de pesca, estavam em duas embarcações quando ocorreu o naufrágio. Os demais conseguiram chegar na margem em segurança.

No Uruguai, um homem de 24 anos morreu na tarde da segunda-feira depois que uma palmeira caiu no telhado de sua casa em decorrência do vento forte.

O Sul e o Leste do Uruguai foram colocados em alerta laranja por vento de até 130 km/h pelo Instituto Uruguaio de Meteorologia. A MetSul e o Inumet alertaram que os departamentos de Rocha e Maldonado devem ser os mais castigados pelo vento hoje. As rajadas se aproximaram de 100 km/h na manhã desta terça-feira (17) em Punta del Este e o vento intenso levou muita espuma do mar para a orla na cidade e no balneário vizinho de Piriápolis.

Quatro ocorrências foram no interior do país, todas no departamento de Rocha, com a área de La Paloma sendo a mais atingida. As demais foram na região metro

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios