NotíciasPolicial

Três são presos após criminosos atirarem contra policiais no Bairro Santo Antônio em Veranópolis

Por volta das 22h20min deste sábado, 11 de abril, a Brigada Militar através das guarnições da Força Tática, durante incursão a pé pelos becos e ruas do bairro Santo Antônio em Veranópolis, ao se aproximarem de um ponto de tráfico comandado por uma facção criminosa, foram recebidos a tiros, um total de seis disparos efetuados pela janela da casa.

A guarnição revidou a injusta agressão, onde o autor, pulou a janela dos fundos e conseguiu fugir, no interior da residência foram presos um homem e duas mulheres. Durante as buscas foram apreendidos:

  • 04 telefones celulares
  • 08 munições intactas Cal 38
  • 26 porções de maconha prontas para venda, pesando no total 215 gramas
  • 02 porções de cocaína pesando no total 72 gramas
  • 01 bucha de cocaína embalada pronta para venda.
  • Material para embalar o entorpecente
  • R$ 448,00
  • GM/Onix
  • Sistema de monitoramento da residência

Os presos de 28, 34 e 29 anos além do material apreendido foram encaminhados até a Delegacia de Polícia de Veranópolis para lavratura do auto de prisão em flagrante e posterior os criminosos foram levados ao presídio Estadual de Nova Prata onde ficarão à disposição da justiça sendo enquadrados pelo crime de Tráfico de Drogas, Associação para o Tráfico, posse irregular de munições e homicídio doloso.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Um Comentário

  1. O Delegado estava tranquilo, dizendo que enquanto se matarem entre eles estaria tudo bem. Pois é agora começaram a atirar na polícia, daqui a pouco estão matando inocentes. É bem fácil de fazer uma repressão mais efetiva. Basta começar a abordar os indivíduos na rua e perguntar da onde são o que estão fazendo, não precisa nem revistar em um primeiro momento. A maioria não são daqui da região. Outra medida seria de começar a responsabilizar quem aluga as casas para estes traficantes por associação ao tráfico. É fácil alugar para qualquer um sem contrato, sem saber quem é de onde vem e morar confortavelmente com segurança no centro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios