Notícias

Avanço da covid-19 em Cotiporã se deve a focos de contaminação em duas empresas do município

Neste momento há 46 cotiporanenses ativos para a doença

Cotiporã observa um considerável aumento de casos positivados para a covid-19, nos últimos dias. Neste momento há 46 pessoas, na cidade, ativas para a doença, marca elevada para o município de apenas 3.838 habitantes. A motivação do cenário é decorrente de dois focos de contaminação registrados em dois frigoríferos da cidade.

O primeiro foco aconteceu na semana passada, em uma das empresas, quando houveram 12 positivados, e o outro teve início de diagnóstico nesta semana, com 21 já confirmados. Segundo informações da Secretaria de Saúde, cada empresa acompanhou de perto o fato, aplicou o teste nos trabalhadores e os isolou, diante do diagnóstico. O manejo da situação foi feito com apoio do Poder Público, que auxiliou nas recomendações de isolamento e na identificação dos familiares, para teste.

O avanço da covid-19 é notável na comunidade. Se comparados os dados da terça-feira, dia 27, aos do dia 28, quarta, houve um aumento de 12 casos positivados para a doença. Até o momento, 13,2% da população cotiporanense já entrou em contato com o vírus, sendo desses, a maioria já curados.

Neste momento, essas pessoas e seus familiares encontram-se isolados, aguardando a recuperação da doença. Assim, pelas próximas duas semanas, diante desse cenário, os dados epidemiológicos da cidade seguirão elevados.

Entrevista tratou sobre o tema, veja

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios