You dont have javascript enabled! Please enable it!

Geral

PRF prende três contrabandistas com 15 mil maços de cigarros paraguaios em Caxias

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) interceptaram dois automóveis e prenderam três homens com uma carga de cigarros paraguaios, na manhã desta quinta-feira (1º), em Caxias do Sul.

As capturas ocorreram após os policiais terem recebido informações do serviço de inteligência. Nas buscas, os agentes deram ordem de parada ao condutor de uma caminhonete Montana, que transitava pela BR-116. Porém, o motorista se recusou a parar e passou a fugir com o carro, chegando a colidir em um Gol que transitava na rodovia.

Em determinado momento, os policiais conseguiram então interceptar a Montana, mas o motorista abandonou o veículo e se embrenhou no mato. Após horas de buscas pela região, as equipes da PRF localizaram e prenderam o fugitivo. A caminhonete, de Santa Catarina, que utilizava placas falsas gaúchas, estava carregada com cigarros paraguaios.

Durante as buscas os agentes ainda prenderam dois homens que vieram resgatar o fugitivo. Eles estavam em um Palio que viajava com a Montana para apoiá-la no transporte do contrabando. A carga de 15 mil maços de cigarros, avaliada em R$ 75 mil, e os veículos foram apreendidos e encaminhados ao plantão da Polícia Federal em Caxias do Sul.

O acompanhamento se iniciou na BR-116, sendo que as prisões ocorreram no bairro Jardim Eldorado. Os três homens, gaúchos de 21, 35 e 54 anos, foram presos e responderão por contrabando, desobediência, organização criminosa e adulteração de sinal identificador de veículo. Eles disseram que foram pagos para efetuar o transporte dos cigarros do Paraguai e entregá-los na Serra gaúcha.

📰 Quer receber as notícias da Studio no seu WhatsApp? Então faça parte de nosso grupo. Caso queira receber nossas notícias no Telegram, assine nosso canal.

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

error: Este conteúdo é protegido