Notícias

Neste dia da enfermagem, Enfermeira Epidemiológica de Veranópolis fala sobre a profissão e atualiza informações sobre a COVID-19 no município

Nesta terça-feira (12), comemora-se o dia da enfermagem e por conta desta data a enfermeira de Vigilância Epidemiológica, Mariel Marcio, falou sobre a profissão além de atualizar informações sobre o enfrentamento ao coronavírus no município, em entrevista à Studio.

Ser enfermeira

Quando indagada sobre o que levou ela a ser enfermeira, ela afirmou que foi uma questão ainda da sua infância, onde ela ficou semanas na UTI, quando tinha 12 anos. Naquele momento os profissionais de enfermagem foram sua família, além de dedicarem-se muito a sua recuperação. Este exemplo marcante, afirmou Mariel, a fez querer seguir na profissão.

Quanto às competências da enfermagem há diferentes áreas. Exite a enfermagem assistencial, em que os profissionais trabalham diretamente no cuidado dos pacientes. Há também a área bastante burocrática, a qual diz respeito a notificações, sistemas, investigações, sendo relacionado principalmente ao trabalho que Mariel exerce na vigilância. A pesquisa e o trabalho na estética também podem ser feitos pelos enfermeiros.

Situação do Coronavírus em Veranópolis

Mariel reiterou que as pessoas que estão com sintomas respiratórios, são indicadas a permanecer em isolamento após 14 dias do início dos sintomas. Todas são monitoradas fortemente pela equipe de saúde do município. Entretanto, um problema é o fato de que nem todas as pessoas notificadas permanecem em casa, nestes casos, são refeitas as indicações para que ocorra uma conscientização.

Sobre as testagens, a enfermeira afirmou que são apenas feitas para as pessoas que obedecem ao rígido protocolo enviado pelo Ministério da Saúde. Contudo, o município fez a aquisição de alguns testes de PCR, estes que poderão ser feitos da maneira que a equipe de saúde do município decidir ser mais pertinente. Segundo Mariel, estes serão direcionados para indivíduos que possuem casos mais sugestivos e inclinados para as características do vírus. Para estas decisões de protocolos e demais medidas, reuniões são feitas pelos profissionais de saúde responsáveis, junto a representantes do Hospital São Peregrino Lazziozi. Os testes devem chegar no próximo dia 22 de maio.

Um dado levantado pela Enfermeira é o de que, até o momento, não há a definição de que haja ou não transmissão comunitária em Veranópolis. Dois casos confirmados foram de caminhoneiros, ou seja, destes já há constatação de que foi importado, porém, os outros casos ainda estão sob estudo.

Outro dado importante trazido por Mariel, é o aumento da procura aos postos de saúde, isto porque, alguns atendimentos eletivos estão, agora voltando a ocorrer. Quanto a Unidade Sentinela, o número de procura permanece estável.

Em recado final Mariel reiterou a importância da conscientização e prevenção de todos. Finalizou parabenizando, também, seus colegas de profissão, os quais estão na linha de frente neste momento de pandemia.

Confira a entrevista completa

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios