You dont have javascript enabled! Please enable it!

Notícias

Coletiva de Imprensa informa que decreto municipal segue vigorando em Veranópolis

A prefeitura mantém seu decreto municipal, mesmo após o pronunciamento do Presidente da República Jair Messias Bolsonaro, o qual afirmou que as autoridades devem evitar medidas como proibição de transportes, o fechamento de comércio e o confinamento em massa.

Em coletiva de imprensa realizada nesta quarta-feira (25), na Câmara de Vereadores de Veranópolis, o prefeito, secretária da saúde, vereadores e delegado pronunciaram-se. O assunto principal foi que o município irá manter o decreto municipal. Este que por sua vez, delimita que tudo estará fechado e a orientação segue que toda população mantenham-se em casa. Os prazos se mantém tanto na educação como nos demais setores.

O prefeito citou diversas vezes que há uma preocupação com a economia, mas que no momento a prioridade é a saúde da população, que o importante é evitarmos que no futuro a situação se encontre mais crítica e agravada.

Todas as medidas existentes devem ser mantidas até a segunda-feira (30). Neste dia, segundo a Secretária da Saúde, Vanessa Calioni, o comitê de crise se reunirá para debater novamente medidas. O delegado Tiago Baldin afirmou que os órgãos de segurança pública continuarão no controle das aglomerações e de propagação de notícias faltas.

As questões das Fake News também foi abordada pela Secretária Vanessa, que falou sobre a importância das pessoas se informarem em veículos confiáveis e evitarem propagações de notícias sem confirmação.

Temas como a doação de produtos para a Assistência Social e a necessidade de cuidados com o desperdício de água também foram abordados.

Quer receber as notícias da Studio no seu WhatsApp? Então clique aqui.

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

error: Este conteúdo é protegido