Três motocicletas apreendidas após motociclistas promoverem rachas e manobras perigosas em Três Coroas

Três motocicletas foram apreendidas pela Brigada Militar na tarde de sábado (02/12), após motociclistas promoverem rachas e manobras perigosas na cidade de Três Coroas.

A ação da BM ocorreu no Bairro Linha Café, após denúncias de moradores da localidade. Segundo os relatos, os motociclistas, seguidamente trafegavam pela região, executando manobras perigosas, acelerações e ainda não respeitando pedestres e demais veículos na via.

Durante o policiamento, por volta das 17h30, os policiais visualizaram três motocicletas em alta velocidade. Ao darem ordem de parada, os condutores não obedeceram e fugiram.

Após cerca de 15 minutos, as motocicletas foram abordadas na lateral da via, próximo a barranca de um rio. Duas das motocicletas estavam com as placas dobradas para cima, e uma com a placa totalmente coberta por fitas.

Os três condutores foram identificados: um de 20 anos, outro de 21 anos, este segundo com antecedentes por roubo, posses de entorpecentes e várias vezes por trafegar com velocidade incompatível com a via. O terceiro abordado é um adolescente de 17 anos.

Os três foram encaminhados à delegacia de Polícia Civil, onde foi registrada ocorrência por direção perigosa e racha. As motocicletas também foram apreendidas.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Podemos exibir anúncios para você?

Parece que você está usando um bloqueador. A exibição de conteúdo publicitário contribui para fazer a informação chegar a você, de forma fácil e gratuita. Por favor, libere a exibição de anúncios para liberar a visualização da notícia.