Nova Prata terá equipe multidisciplinar para atender saúde profissional

O Município de Nova Prata, através da Secretaria de Saúde, iniciou um processo de adesão a um programa do Ministério da Saúde, o Sistema de Apoio à Implementação de políticas em saúde – SAIPS, para cadastrar uma equipe multidisciplinar e atender a demanda da saúde prisional em nosso município, recebendo recursos devidos para tal, visto a existência do Presídio Estadual de Nova Prata.

Esta equipe realizará atendimentos aos apenados, na Unidade Básica de Saúde Prisional, montada nas dependências do local, evitando a necessidade de deslocamento ao Posto de Saúde, uma vez que estarão em ambiente controlado e seguro.

Aliado a isto, iniciar-se-á também revitalização da horta, no próprio presídio, através da mão-de-obra dos apenados, contando com orientações técnicas da Emater. A produção atenderá a demanda local e o excedente será destinado a entidades do município.

O projeto de revitalização também já iniciou em frente ao presídio, com a limpeza da calçada e a pintura do meio-fio, contando já com a mão-de-obra prisional. Posterior a isso, toda fachada do local será modificada, com a construção de um muro, de acordo com um projeto voluntário, realizado pela arquiteta e urbanista, Larissa Rodrigues, e com o apoio da Secretaria de Urbanismo e Mobilidade Urbana, Secretaria de Obras e Saneamento, além do Sindicato dos Basalteiros. Para isto, o trabalho também será executado pelos detentos.

Na tarde desta segunda-feira, 23, o prefeito Alcione Grazziotin, e a vice, Sandra Zottis, juntamente com a equipe responsável da Secretaria de Saúde, receberam o diretor do Presídio Estadual de Nova Prata, Elias Thomas e também o técnico superior penitenciário e psicólogo, Kelvin Pereira Rodrigues, além da arquiteta e urbanista, Larissa Rodrigues.

Foto: Vilson Paludo/AC

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Podemos exibir anúncios para você?

Parece que você está usando um bloqueador. A exibição de conteúdo publicitário contribui para fazer a informação chegar a você, de forma fácil e gratuita. Por favor, libere a exibição de anúncios para liberar a visualização da notícia.