Geral

Tacchini acende alerta para início da 3ª onda de Covid-19

Pouco mais de 15 dias depois de apresentar uma queda nos atendimentos da estrutura Fast Track e na quantidade de pacientes com necessidade de tratamento intensivo, o Hospital Tacchini voltou a registrar um aumento preocupante nesses números. Na manhã desta terça-feira, dia 18, a instituição chegou a registrar 51 pacientes na UTI Adulto. Durante a tarde esse número diminuiu para 44.

Para analisar a situação da doença na cidade e ajudar a planejar as próximas ações, o Tacchini participou na manhã desta terça-feira de uma reunião junto ao Comitê de Atenção ao Coronavírus. Além do superintendente e da diretora de divisão hospitalar da instituição, Hilton Mancio e Roberta Pozza, participaram do encontro o prefeito de Bento Gonçalves, Diogo Segabinazzi Siqueira; o procurador Geral do Município, Sidgrei Machado Spassini; a secretária de Saúde, Tatiane Misturini Fiorio; o presidente do Conselho Municipal de Saúde, Luiz Fernando Ferreira; e o promotor de justiça Alécio Silveira Nogueira, que participou do encontro de forma online.

“A variação do número de pacientes com necessidade de UTI é até certo ponto comum nessa pandemia. Contudo, o que está nos impressionando é que a velocidade deste início de terceira onda é muito maior do que em outros momentos. Na segunda-feira, por exemplo, tivemos 80 atendimentos na estrutura Fast Track. Nosso pico maior foi de 89 casos durante a segunda onda. Ou seja: no primeiro dia de alta, já chegamos perto do nosso recorde”, descreve Mancio.

Para lidar com essa alta na demanda, o hospital já iniciou a tomada de uma série de medidas, como a suspensão de cirurgias eletivas. As estruturas que estavam sendo utilizadas para realização desses procedimentos foram novamente adaptadas para receber pacientes de média e alta complexidade até que haja condições de encaminhá-los a um leito regular de UTI.

Os profissionais da saúde que estavam trabalhando no Centro Cirúrgico também estão sendo redirecionados para as áreas com maior demanda dentro do hospital. A convocação de colaboradores que estavam de férias para que retornem imediatamente ao trabalho também faz parte das medidas adotadas.

O Tacchini ainda reforça seu compromisso com a comunidade. “Não estão sendo medidos esforços para absorver toda a demanda de pacientes. Juntos vamos vencer todos os desafios impostos pelo nosso inimigo em comum: o vírus”, finaliza Mancio.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios