Geral

Vídeo: Cão ferido entra sozinho em clínica veterinária e recebe tratamento

Um vídeo mostra o momento em que um cachorro vira-lata, aparentemente ferido, entrou sozinho em uma clínica veterinária, onde recebebeu atendimento, em Juazeiro do Norte (CE), no sábado (6). De acordo com a médica veterinária Deyse Silva, o cão estava com um ferimento na pata. As informações são do G1.

Após entrar no local, o animal faz movimentos com uma das patas e parece “pedir ajuda”. Na sequência, a veterinária se aproxima e faz a verificação.

Segundo Deyse, ela diz acreditar que o animal entrou na clínica por farejar a presença de outros animais que estavam em atendimento. “Ele é de rua, não tem dono, veio sozinho para cá”, contou a profissional ao G1.

“Ele chegou quietinho, mostrou a patinha e eu fui lá ver o que estava acontecendo e de pronto percebi que ele tinha um sangramento na região peniana, mas existia um problema bem maior que só diagnosticamos depois”, explicou a profissional.

Conforme a veterinária, o cão foi diagnosticado com um tumor venéreo transmissível, comum em animais de rua. “Ele também tinha um ferimento causado por uma unha que estava encravada”, relatou Deyse ao G1.

Ainda de acordo com a veterinária, o cão vai precisar ficar internado por, no mínimo 30 dias. Após receber o tratamento, ele será disponibilizado para adoção. “Fico muito feliz em poder ajudar. É uma prática comum na minha clínica, se Deus permitir, ele vai encontrar um lar muito bom para ele”, afirmou.

Assista o vídeo abaixo:

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Valorize o investimento na reportagem e jornalismo. Cópia somente com citação de fonte.

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios