You dont have javascript enabled! Please download Google Chrome!

Resenhas Studio Sports

Vaga garantida – Internacional 2×0 Universidad de Chile (Copa Libertadores da América – Fase Prévia)

Na noite desta terça-feira (11), com um Beira-Rio praticamente lotado, o Inter aproveitou o fator local e carimbou a vaga para a terceira fase da Copa Libertadores.

Dois jogos com uma ampla vantagem para os gaúchos, que agora vão enfrentar o Tolima, da Colômbia, na próxima fase da competição continental.

Um primeiro tempo onde o Inter mandou nas ações do jogo e não sofreu sustos. Pressionou o seu adversário na saída de bola, conseguiu algumas chances de gol, mas pecava na definição. Depois de tanta pressão, Boschilia, que entrou na vaga de Patrick, que saiu machucado, conseguiu roubar uma bola na entrada da área para abrir o placar.

Com a vantagem o Inter teve mais tranquilidade no segundo tempo, mas mesmo com a superioridade no placar, não parava de pressionar o adversário. Algo que em tempos de Odair Hellmann, não se via, portanto, méritos a Coudet!

Méritos também a Marcos Guilherme, que entrou na vaga de D’Alessandro, para dar mais velocidade ao time, e que não desistiu da jogada e, em velocidade, roubou a bola, driblou até a mãe e marcou o segundo gol e deu números finais a partida.

É só um começo, mas um começo promissor. Aos poucos os jogadores vão assimilando a ideia do treinador e se entrosando.

Vamos dar tempo ao tempo, mas a mudança já é visível…

Agora tudo é Gre-Nal, válido pela Semifinal do primeiro turno do Gauchão, jogo importantíssimo para garantir vaga na decisão do Estadual. Jogamos em casa, junto da torcida, que acredito que vai lotar o estádio novamente.

Vamos pra cima dos malandro!

NOTAS:

Marcelo Lomba – Pouco exigido – 6,0

Rodinei – Seguro defensivamente e com bom apoio, foi bem – 7,0

Moledo – Começou o ano mal, aos poucos está se encontrando, foi seguro e com imposição – 7,0

Cuesta – Super Cuesta como disse Chacho, desarmou, armou e atacou. Que zagueiro meus amigos – 9,0

Moisés – Muito seguro, gostei da atuação. Vigor físico para defender e atacar e sabe cruzar – 8,0

Musto – Dá segurança para a zaga, cão de guarda – 6,0

Rodrigo Lindoso – Ele faz o simples, não se enrola e conseguiu por hora fazer o papel que pede o treinador – 6,5

Edenilson – Começou mal, mas com a saída de Patrick voltou para sua posição e melhorou no jogo – 7,0

Patrick – Saiu logo aos 13 minutos. Graças a Deus! – sem nota.

D’Alessandro – Na nova posição está participando mais do jogo e se preocupando menos com a marcação, também fez bom jogo – 7,0

Guerrero – Um pouco abaixo do normal, teve uma chance para fazer o gol e desperdiçou, mas ganhou todas as bolas que lançavam – 6,0

Boschilia – Entrou muito bem, deu outro tom ao jogo, com velocidade e qualidade. Fez um gol em ótima roubada de bola – 8,0

Marcos Guilherme – Ótima opção para o segundo tempo, entrou para dar velocidade e com isso garantiu a vaga marcando o segundo gol – 7,0

Jhonny – Entrou no fim – sem nota

Eduardo Coudet – Acertou nas substituições. O início é promissor, tem algo a melhorar, mas já da mostras de evolução do time – 7,0

Bezão Cozer

Imagens Sport Club Internacional, divulgação

– Quer receber as notícias da Studio no seu WhatsApp? Então clique aqui e faça parte de nosso grupo.

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

error: Este conteúdo é protegido