Lula diz que, se for eleito, vai “ter que dar um jeito no Centrão”

O candidato do PT à Presidência da República, Luiz Inácio Lula da Silva, afirmou neste domingo (18) que, se for eleito, vai “ter que dar um jeito no Centrão” e mexer no chamado orçamento secreto.

Ao lado do seu candidato a vice, Geraldo Alckmin (PSB), o petista participou de um comício no Centro de Florianópolis (SC). Lula pediu para o público votar em candidatos aliados porque, segundo ele, vai precisar de ajuda no Congresso caso seja eleito.

“Se a gente ganhar, a gente vai ter que dar um jeito no Centrão, vai ter que mexer no orçamento secreto, vai ter que cumprir o piso da enfermagem, melhorar o piso dos professores”, afirmou o ex-presidente.

Lula subiu ao palanque com uma bandeira do Brasil e outra do PT. “Normalmente, um fascista que não tem partido político, que nunca organizou um partido político, que não gosta do povo, não respeita ninguém, diz o seguinte: ‘O meu partido é o Brasil’. E eu queria dizer para ele que o Brasil não é partido, é o nosso país”, afirmou Lula.

“Essa bandeira aqui não é bandeira de um partido. É a bandeira de 215 milhões de brasileiros que amam esse país”, completou o petista.

Informações O Sul.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios