Jogador de xadrez teria usado plug anal para vencer partida

O americano Hans Niemann, de 19 anos, vem sendo acusado de trapacear após a vitória contra o norueguês Magnus Carlsen, de 31 anos, na Sinquefield Cup, um torneio nos Estados Unidos, no início de setembro. O enxadrista, considerado o melhor jogador do mundo, abandonou uma partida contra o jovem, após dois movimentos.

Embora Magnus não tenha acusado abertamente Hans Niemann, ele publicou em seu Twitter, um vídeo do técnico português de futebol José Mourinho dizendo: “Eu prefiro não falar. Se eu falar, eu vou entrar em um grande problema e eu não quero isso”. O post foi visto como uma indireta à suposta trapaça de Niemann. Depois da derrota, Carlsen, que é pentacampeão mundial, resolveu se retirar da competição, que distribuiu 350 mil dólares (cerca de R$ 1,8 milhão) em premiações.

Uma das teorias levantadas para tal façanha é que Niemann poderia estar usando um plug anal com conexão wireless, o que lhe possibilitaria receber instruções codificadas por vibração — uma espécie de código morse.

Ao The Guardian, o enxadrista disse que para provar que joga limpo faria uma partida pelado: — Se eles quiserem que eu fique totalmente nu, eu fico. Eu não me importo. Porque eu sei que estou limpo. Você quer que eu jogue em uma caixa fechada com transmissão eletrônica zero, eu não me importo. Estou aqui para vencer e esse é o meu objetivo — declarou Hans em entrevista.

No passado, o jovem admitiu que trapaceou em jogos de xadrez online quando era mais novo, aos 12 e aos 16 anos, o que fez ele ser suspenso da plataforma Chess.com. Agora, ele diz que joga limpo.

Com a desistência de Magnus, que nunca havia abandonado uma partida em sua carreira, a organização da Sinquefield Cup implementou outras medidas de segurança, como usar detectores de metal nos jogadores e exibir as partidas com 15 minutos de atraso na transmissão ao invés de mostrá-las ao vivo.

Além disso, o acesso de Niemann ao Chess.com foi novamente suspenso depois de o norueguês abandonar a competição.

Informações Portal iG.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios