Ciclone extratropical traz chuva para todo o Estado nesta quarta-feira

O tempo deve ficar instável em todo o território gaúcho nesta quarta-feira (21). A chuva ganha força no Oeste, no Norte e na Serra. Há o risco de temporais na Fronteira Oeste e de acumulados mais elevados em alguns pontos. No Litoral, o mar fica agitado. Há possibilidade de rajadas de vento de até 50 km/h na costa do RS e na Região Metropolitana. A instabilidade é causada por uma frente fria na costa do Estado, associada a um ciclone extratropical na altura da Argentina.

Além do ciclone no país vizinho, há, no RS, a presença de cavados meteorológicos nos diversos níveis da atmosfera, ou seja, uma baixa pressão relativa e mais alongada. Também existe uma corrente de jato (ventos em média e alta atmosfera) a mais de 9km de altitude. A mínima do dia, 5°C, ocorre em Pedras Altas, no Sul, e em São José dos Ausentes, na Serra. A máxima pode chegar a 29°C em Novo Tiradentes, no Norte. Na Capital, os termômetros variam entre 12°C e 21°C.

A meteorologista da Climatempo Alana Gabriele Araújo explica de que forma o ciclone presente na Argentina interfere no tempo no Rio Grande do Sul:

— Teremos a formação de um novo sistema frontal associado ao ciclone. As condições de chuva no Estado duram até quinta-feira (22), com rajadas de vento que podem chegar a 70 km/h. Já na sexta-feira (23), terá a entrada da massa polar que provoca queda de temperatura. Além disso, há risco de geada no fim de semana na Campanha, na região serrana e na divisa com Santa Catarina.

Fonte: GZH

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios