Banda Guerrilla comemora uma década com show marcante em Veranópolis

A Banda Guerrilla, de Veranópolis, completou seus 10 anos de história neste mês. Ela é formada por quatro integrantes: João Pedro da Silva (JP), vocalista; Maurício Barbieri, guitarrista; Guiga Bassani, no baixo, e Felipe Giacomini, na bateria.

Os três instrumentistas são primos, aprenderam a tocar na mesma época, por volta de 2002/2003. A partir daí, foram vários projetos, como a Rock Mirim, Banda Calhambeque, The Jeans, Lobotomia, entre outros. O vocalista da banda, JP, já era conhecido neste meio, pois tinha a banda Urka. No ano de 2012 foi formada a Guerrilla, com os seus quatro integrantes.

“Foi bem como uma reunião de amigos, um reencontro. A ideia inicial, além de ser apenas pela diversão de tocarmos juntos, foi muito também pela afinidade musical. Gostávamos das mesmas coisas (Red Hot Chili Peppers, Foo Fighters, Raimundos, Alice In Chains…). E também, eram bandas que não víamos ninguém tocar aqui na cidade. Tivemos apenas um ensaio e já marcamos um show para a semana seguinte”, relembra Barbieri.

A partir dessa primeira apresentação, a banda segue com o seu quarteto até hoje. Alguns momentos marcantes ao longo desses 10 anos envolvem a abertura do show do Raimundos e da Tequila Baby, em Veranópolis e, em Bento Gonçalves, eles dividiram o palco com o Tonho Crocco, da Ultramen. Além disso, em Garibaldi, o quarteto se apresentou com o Fredi Chernobyl, da Comunidade Nin-Jitsu.

Para comemorar a sua primeira década, a banda realizou o evento “10 anos de Guerrilla”, no último dia 17 de setembro, na Jailhouse Rock, em Vila Azul, comunidade localizada em Veranópolis. As atrações foram a Destilaria Corleone, banda de country rock de Garibaldi, com participações de Jus Blackbird, Lili Tessaro, Jhonny Rigoni e Bernardo Comacchio. Cerca de 300 pessoas estiveram presentes neste dia marcante para a banda, bem como para os fãs.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios