Três pessoas morrem vítima de raio que atingiu Casa Branca

Três pessoas que ficaram gravemente feridas no final da tarde de ontem ao serem atingidas por um raio durante uma tempestade de verão em frente à Casa Branca não resistiram e morreram, informou hoje a polícia de Washington. Uma quarta pessoa permanece hospitalizada com risco de vida.

James Mueller, de 76 anos, e Donna Mueller, de 75, de Janesville, estado Wisconsin, morreram devido aos ferimentos após a queda do raio em Lafayette Park, localizado diretamente do lado de fora do complexo da Casa Branca, disse o Departamento de Polícia Metropolitana.

A sobrinha dos Muellers, Michelle McNett, disse em comunicado que o casal estava junto desde o namoro no ensino médio e que estavam em uma viagem para comemorar seu 56º aniversário de casamento. O casal deixa cinco filhos, 10 netos e quatro bisnetos. “A família pede privacidade e orações enquanto enfrenta essa tragédia repentina”, disse McNett.

A terceira vítima é um homem de 29 anos que morreu nesta sexta-feira, um dia após o raio, informou o Departamento de Polícia Metropolitana da capital norte-americana. A polícia não divulgou nenhuma outra informação sobre a vítima até a notificação dos familiares. Uma mulher permanece internada e sua identidade também não foi divulgada.

O raio ocorreu às 18h52, hora local, da quinta-feira. As vítimas estavam perto de uma estátua de Andrew Jackson, disse o porta-voz da polícia, acrescentando que “parecia que estavam nas proximidades de uma árvore”. Agentes uniformizados do Serviço Secreto e policiais que estavam na área e testemunharam o raio prestaram os primeiros socorros às vítimas. Não está claro exatamente o que as vítimas estavam fazendo no momento, mas é quase certo que buscaram a falsa proteção de uma árvore durante a tempestade.

“Estamos tristes com a trágica perda de vidas após o relâmpago em Lafayette Park”, disse a secretária de imprensa da Casa Branca, Karine Jean-Pierre, em comunicado. “Nossos corações estão com as famílias que perderam entes queridos e estamos orando por aqueles que ainda lutam por suas vidas”, diz comunicado da Casa Branca em nome do presidente Joe Biden.

Uma câmera da rede CBS News que estava gravando no gramado Norte da Casa Branca na hora do raio capturou o poderoso estrondo do trovão. “O trovão foi tão alto que pulamos de medo”, tuitou a correspondente-chefe da CBS News na Casa Branca, Nancy Cordes. “‘Isso é muito perto – estamos fechando”, aconselhou o cinegrafista Ron Windham.

Como os raios tendem a atingir objetos altos, os especialistas alertam que se abrigar debaixo de uma árvore durante uma tempestade é altamente perigoso. Quando uma árvore é atingida pela carga elétrica, a umidade e a seiva na árvore conduzem facilmente a eletricidade, levando-a para o solo ao redor da árvore, de acordo com uma página do Serviço Nacional de Meteorologia sobre ciência de raios.

Informações Metsul.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios