Bolsonaro diz que o seu governo reduziu os homicídios de indígenas, assentados, sem-terra e quilombolas

O presidente Jair Bolsonaro afirmou que os homicídios de índios, assentados, sem-terra, posseiros e quilombolas diminuíram no seu governo. Ele também disse que, na sua gestão, aumentaram os investimentos na fiscalização de terras indígenas.

“Enquanto a esquerda finge indignação e espalha mentiras para enganar inocentes, acusando meu governo de ameaçar índios, por exemplo, os dados mostram que aumentamos os investimentos na proteção de indígenas isolados em mais de 300% e na fiscalização de terras indígenas em 150%”, declarou Bolsonaro nas redes sociais na segunda-feira (20).

“Inclusive, reduzimos os homicídios de índios, assentados, sem-terra, posseiros e quilombolas, atingindo média de mortes no campo menor do que no governo do PT. A extensão da posse de arma aos fazendeiros e a entrega de mais 340 mil títulos de propriedade diminuíram invasões e conflitos”, prosseguiu o presidente.

Informações O Sul.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios