Cão com queimaduras é resgatado após denúncia de maus-tratos em Cotiporã

Foi instaurado inquérito policial e os fatos estão em apuração

Na noite dessa segunda-feira (11), houve uma denúncia de maus-tratos no município de Cotiporã, onde um indivíduo teria ateado fogo em um cachorro. O cão foi encontrado por voluntários, e devido à gravidade das queimaduras, foi encaminhado a uma clínica veterinária em Veranópolis. A veterinária que emitiu o laudo atestou as condições de saúde, descrevendo as lesões em todo o corpo do animal, além do seu estado emocional.

A voluntária Giovana Lira relata que esse cachorro estava vagando pela cidade fazia alguns dias, inclusive, nas redes sociais havia fotos dele sendo alimentado e publicações que se estava procurando o dono. Giovana esclarece que em Cotiporã não existe uma ONG, mas um pequeno grupo de voluntários que se dispõe a ajudar, dentro das suas possibilidades particulares, animais abandonados ou em risco, oferecendo lar temporário e organizando ações para pagamento de internações, cirurgias e castrações.

“É importante que se fortaleça, em nosso município, uma cultura de cuidado aos animais, de respeito e do necessário a uma vida digna. Acontecimentos assim invadem nosso coração, trazendo uma grande tristeza. Mas fizemos o que nos compete: atendemos o chamado, encaminhamos a vítima de maus-tratos ao atendimento médico-veterinário e registramos o boletim de ocorrência. Agora estamos aguardando o resultado da investigação policial”, afirma.

O delegado Rodrigo Morale afirma que foi instaurado inquérito policial e os fatos estão sendo apurados.

Leia também | Motorista fica gravemente ferido após tombamento de caminhão na Serra das Antas

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios