Região

Após ataque de onças-pintadas, mais de 170 flamingos morrem no Parque das Aves, em Foz do Iguaçu

Apenas quatro aves da unidade sobreviveram. Parque permanecerá fechado até sexta-feira (12); primeiras aves chegaram ao local em 1995, depois de resgate no Chile

Duas onças pintadas mataram flamingos do Parque das Aves, em Foz do Iguaçu, na madrugada desta terça-feira (9), segundo a administração. Após o ataque, foram registradas as mortes de 172 dos 176 flamingos do local.

Por volta da meia-noite, os dois predadores (a mãe e o filhote) pularam a cerca e invadiram o recinto dos flamingos chilenos e africanos. Apesar de seis aves serem resgatadas, apenas quatro aves sobreviveram ao ataque.

O Parque das Aves informou que permanecerá fechado para visitação até sexta-feira (12).

A diretora de engajamento e sustentabilidade do Parque das Aves, Luciana Leite, informou que a equipe da unidade está investigando a morte dos flamingos.

“Nossa equipe veterinária está fazendo esse trabalho de autópsia, investigando de fato o que levou esses animais a óbito. É muito comum em aves o que a gente chama de miopatia de captura, diante de uma situação de estresse presenciada, esses animais vem a óbito mesmo sem serem atacados diretamente por uma onça. É importante comunicar isso. Ainda estamos fazendo o trabalho de autópsia para entender quantos animais tiveram essa interação direta com os felinos e quantos vieram a óbito por miopatia”, explicou.

O Parque das Aves existe há 27 anos e nunca havia registrado um ataque de onças. O local conta com sistemas de proteção aos predadores, pois é integrado ao Parque Nacional do Iguaçu.

“Nós temos instalados os sistemas de monitoramento de câmeras, de luz pulsante, diversos detentores para que grandes felinos não adentrem no parque. Estamos investigando ainda como tendo todas essas melhores práticas esses animais conseguiram adentrar no parque, no recinto.”

Os flamingos chegaram ao parque em 1995, quando as aves foram resgatadas no Chile. Em 2001, nasceram os primeiros filhotes.

Segundo a administração do parque, foram anos de trabalho de conservação prejudicados pelo ataque das onças.

Os flamingos são um dos principais atrativos do Parque das Aves. O nascimento deles em setembro de 2020 trouxe momentos de celebração à vida. Em 2019, as aves ganharam destaque depois de serem estimuladas a passear e tomar banho pelo local.

O momento do ataque foi flagrado, mas a administração não divulgará essas imagens.

Informações do portal G1.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios