Geral

Governo estadual abre concurso com 53 vagas para analista de planejamento, orçamento e gestão

O governo do Rio Grande do Sul publicou nesta sexta-feira (22/10) o edital de abertura de concurso público para a Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão (SPGG). Ao todo, são 53 vagas para o cargo de analista de planejamento, orçamento e gestão, sendo seis destinadas a pessoas com deficiência e oito para pessoa negra ou parda. Para uma carga horária de 40 horas semanais, a remuneração é de R$ 7.345,12. Para concorrer, é preciso ter ensino superior completo em qualquer área.

As inscrições foram abertas nesta sexta-feira (22/10) e seguem até 22 de novembro pelo site da Fundatec, banca selecionada para a organização do concurso. O valor da taxa de inscrição é de R$ 211,22.

Para o secretário da SPGG, Claudio Gastal, os profissionais que atuam neste cargo têm um papel fundamental, uma visão transversal das ações e projetos do Estado do Rio Grande do Sul. “Ele é colocado nas secretarias fins e colabora na temática de planejamento, orçamento e gestão, captação de recursos, acompanhamento de projetos. É uma oportunidade para a população, para os profissionais do Rio Grande do Sul e de todo o Brasil, mas também é para atender uma demanda antiga que é a reposição de quadros. Historicamente, o Estado, além das dificuldades financeiras que enfrentou, teve uma saída grande de pessoas que se aposentaram ou que se retiraram do quadro e necessitamos desta reposição para qualificar os serviços e, com isso, atender as demandas da população”, afirma.

O profissional é responsável pela execução de atividades e competências, principalmente nas áreas de planejamento, gestão de projetos, captação de recursos e orçamento. A SPGG conta com 77 destes analistas no quadro.

A seleção está agendada para o dia 9 de janeiro de 2022 em Porto Alegre e contará com duas provas. A teórico-objetiva terá 100 questões, divididas em Língua Portuguesa (10), Raciocínio Lógico e Estatística (10), Direito Administrativo e Constitucional (10), Governança e Gestão (40) e Planejamento e Orçamento Público (30).

A prova dissertativa será composta de uma questão. O candidato precisará se posicionar com um texto entre 15 e 30 linhas a respeito de um tema relacionado ao ramo de Governança e Gestão ou Planejamento e Orçamento Público. Conforme o edital, serão corrigidas as Provas Dissertativas dos200 primeiros candidatos classificados na prova teórico-objetiva.

Após a homologação, o concurso terá validade de dois anos, prorrogáveis por mais dois. Os aprovadosserão chamados no período segundo as necessidades da SPGG.

 Mais informações podem ser consultadas no site da Fundatec.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios