Notícias

Quatro focos foram registrados com a presença do mosquito Aedes Aegypti na última vistoria em Veranópolis

No período compreendido entre os dias 06 a 10 de setembro, foi realizado o 3º ciclo do LIRAa (Levantamento de Índice Rápido ao Aedes Aegypti) no município de Veranópolis.

O LIRAa é um programa determinado pelo Ministério da Saúde que tem como objetivo a realização de uma pesquisa e coleta de larvas de mosquito no prazo máximo de uma semana em toda a área urbana do município, obedecendo uma metodologia de amostragem conforme o número de imóveis. Ele permite a identificação de áreas com maior proporção/ocorrência de focos, bem como dos criadouros predominantes, indicando o possível risco de transmissão de dengue, febre de chikungunya e zika vírus, doenças transmitidas pelo mosquito Aedes Aegypti.

As agentes de endemias de Veranópolis trabalham arduamente durante todo o ano, realizando visitas periódicas nos imóveis do município, conscientizando a população sobre a importância de eliminar locais com água parada e potenciais criadouros do mosquito transmissor da dengue. Durante estas visitas, as agentes orientam sobre a importância da limpeza nas caixas d’água, reservatórios e limpeza das paredes internas dos mesmos, como também, como manter os cuidados com os recipientes das plantas, alertando a necessidade de limpeza das calhas de água, tudo evidenciado pelo trabalho educativo de orientação, buscando evidenciar junto à população as possibilidades de redução dos focos do mosquito.

Neste último ciclo de vistorias, realizado no início do mês, foram inspecionados 466 imóveis e realizadas nove coletas em potenciais focos, dos quais quatro locais positivaram com a presença do mosquito Aedes Aegypti. Esses focos foram encontrados em caixas de água de armazenamento de água da chuva e em plantas do tipo bromélia.

O levantamento do Índice Rápido ao Aedes Aegypti demonstrou que o município de Veranópolis se encontra em Risco Baixo neste momento. Mas reforça-se a importância para todos manterem os cuidados contra a proliferação do mosquito, com alerta máximo no combate dos focos potenciais, principalmente porque estamos entrando numa estação mais quente, onde aumenta a quantidade de mosquitos naturalmente.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios