Geral

Justiça decreta prisão preventiva da mulher suspeita de matar filho de 3 anos em SP

A Justiça de São Paulo decretou a prisão preventiva nesta terça-feira (11) da mulher de 37 anos suspeita de assassinar o filho, Gael de Freitas Nunes, de 3 anos, em São Paulo. Ela foi presa em flagrante na segunda.

A Justiça considerou suficientes as provas colhidas pela 1ª Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), no Cambuci. Segundo o boletim de ocorrência, a mulher foi indiciada por homicídio qualificado por meio cruel. O documento também afirma que o menino foi socorrido e levado de ambulância para um hospital após ter sido encontrado desacordado, ferido e com parada cardíaca no apartamento onde morava com a mãe, a irmã dele de 13 anos e uma tia-avó na Bela Vista, no Centro da capital.

O caso ocorreu na segunda-feira (10). Gael estava com a mãe na cozinha quando a tia-avó entrou no cômodo após ouvir choro e barulho de vidro quebrando. De acordo com a polícia, a mãe teve um surto psicótico.

Foi a tia-avó quem pediu ajuda. Segundo ela, a mulher estava em estado de choque, sem falar nada.

Investigação

O depoimento de Andréia, mãe de Gael, encontrado morto dentro de apartamento, no bairro da Bela Vista, na região central nesta segunda-feira (10), durou mais de 5 horas. A mãe de Gael chegou por volta de meia-noite desta terça-feira (11) na 1ª Delegacia de Defesa da Mulher e deixou o local às 5h15 em uma viatura descaracterizada.

Segundo informações preliminares dadas por investigadores, a mãe descreve como foi todo o dia da família. Porém, nos minutos antecedentes da morte de Gael, a mulher para de falar.

Os policiais conversaram cerca de uma hora com o porteiro do prédio e também buscaram por imagens de câmeras de segurança do condomínio, que possam mostrar possíveis movimentações da família.

Após receber alta médica, a suspeita foi encaminhada à delegacia, onde prestou depoimento por mais de cinco horas. Posteriormente, Andréia foi levada ao Instituto Médico Legal (IML) Sul, passou por exames e foi encaminhada à carceragem do 89° Distrito Policial do Portal do Morumbi.

Com informações do Portal G1 e R7.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios