Notícias

Cerca de 60% dos alunos retornaram para as escolas municipais de Veranópolis na segunda-feira

A volta está ocorrendo de forma híbrida e a maior adesão foi observada no ensino fundamental

O início de maio foi marcado pelo retorno às aulas presenciais no Rio Grande do Sul, bem como, em Veranópolis. Na segunda-feira, dia 03 de maio, a rede municipal de ensino voltou às atividades nas dez escolas pertencentes a cidade. Dos 2.612 estudantes matriculados, tanto na educação infantil, como no ensino fundamental, 1.581 retornaram. Esse fato demonstra uma adesão de 60% dos veranenses à volta.

Um dos fatores que fez com que o número fosse menor que 100% é a impossibilidade dos alunos se dirigirem na integralidade para as escolas. Cada turma está sendo dividida em grupos, os quais vão, de forma alternada, até o educandário, caracterizando o ensino híbrido. O número foi o esperado pelas escolas, afirma a secretária de Educação, Izabel Cristina Durli Menin.

Mesmo que em linhas gerais a adesão foi um pouco maior que a metade, cada escola possui uma realidade distinta. Dependendo das características do bairro em que está instalada a instituição e da estrutura física do educandário, a adesão ocorreu de uma forma. Entre as faixas etárias dos alunos, também, foi observada distinção. O ensino fundamental aderiu mais que a educação infantil.

O retorno seguirá sendo escalonado e gradual, ocorrendo também nesta terça-feira, dia 04, e seguindo nos próximos dias da semana. Na segunda-feira passada, dia 26 de abril, o retorno à presencialidade havia ocorrido na cidadeem meio a embates judiciais, e precisou ser cancelado já na terça-feira, dia 27, diante de suspensões em âmbito estadual. Agora, após uma mudança estrutural no distanciamento controlado, a volta parece estar garantida, porém, a qualquer momento a situação pode ser alterada.

Respeite o investimento na reportagem e jornalismo da Studio. A reprodução de nosso conteúdo somente é autorizada com citação e link para a fonte, mantendo sua integridade.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios