Notícias

Volta às aulas aconteceu nesta quarta-feira no Colégio Regina Coeli

Nesta tarde, crianças da educação infantil, 1º e 2º ano retornaram para as salas de aula

Com a publicação de um novo decreto estadual, o Governo do Rio Grande do Sul estabeleceu que todo o Estado está, agora, sob bandeira vermelha. A principal alteração decorrente do fato é a permissão do retorno presencial das aulas, em todos os níveis, no RS. Diante dessa liberação, escolas particulares de Veranópolis organizaram a volta já para esta quarta-feira, dia 28 de abril.

No Colégio Regina Coeli, a volta aconteceu nesta tarde, tendo início às 13h, com os alunos de educação infantil, primeiros e segundos anos. A partir de amanhã, dia 29, a instituição estará fazendo o retorno gradual das demais turmas, que são referentes ao 3º ano do ensino fundamental até o 3º ano do ensino médio. A ida de cada aluno para a escola será comunicada pelos grupos de comunicação entre educandários e famílias, por isso, os discentes devem ficar atentos aos informativos emitidos pelas escolas. A adesão, até o momento, está alta.

Na segunda-feira, dia 26 de abril, o retorno à presencialidade havia ocorrido na cidade, em meio a embates judiciais, e precisou ser cancelado já na terça-feira, dia 28, diante de suspensões em âmbito estadual. Agora, após uma mudança estrutural no distanciamento controlado, a volta parece estar garantida, porém, a qualquer momento a situação pode ser alterada.

A Studio TV acompanhou a volta das atividades nesta tarde, assista e confira mais detalhes

Respeite o investimento na reportagem e jornalismo da Studio. A reprodução de nosso conteúdo somente é autorizada com citação e link para a fonte, mantendo sua integridade.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios