Policial

Irmão de autor de feminicídio é morto a tiros em Caxias do Sul

Conforme a polícia, a motivação para o crime foi praticado por vingança,

Segundo a Rádio Caxias, um homem de 38 anos foi morto a tiros na noite desta quarta-feira (28), no bairro Cânyon em Caxias do Sul. O fato aconteceu por volta das 20h30, na rua dos Torneadores, na zona norte da cidade.

Informações dão conta que, ao menos três criminosos armados em um veículo GM/Prisma de cor preta, invadiram a moradia de Pedroso e efetuaram diversos disparos de arma de fogo contra ele. Após o fato consumado, os bandidos fugiram em rumo ignorado.

Populares socorreram o homem até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) 24 horas, da zona norte, mas ele não resistiu os ferimentos e morreu enquanto recebia os primeiros procedimentos médicos.

Pedroso era irmão, do autor do feminicídio de uma mulher de 29 anos, ocorrido na noite desta terça-feira (27), na rua da Esperança, também no bairro Cânyon. O acusado, antes de cometer o crime, estava na frente da residência da família, conversando com outro homem. Logo em seguida o marido entrou em casa, foi ao encontro da mulher e efetuou um disparo de arma de fogo, que atingiu a cabeça dela. 

Após o crime, o homem fugiu em rumo ignorado a bordo de um veículo Voyage de cor cinza, com placas de Caxias do Sul, que foi localizado por agentes da Delegacia Especializada no Atendimento a Mulher (DEAM), na manhã desta quarta-feira (28) abandonado em um matagal. O homem continua foragido.

Conforme a polícia, a motivação para o crime foi praticado por vingança, ou seja, uma represália ao feminicídio de Jéssica.

Respeite o investimento na reportagem e jornalismo da Studio. A reprodução de nosso conteúdo somente é autorizada com citação e link para a fonte, mantendo sua integridade.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios