Geral

Hackers invadem conta bancária de prefeitura do RS e levaram cerca de R$ 895 mil reais

Segundo a Administração Municipal de Paim Filho, hackers invadiram a conta corrente bancária da Prefeitura, no nordeste gaúcho, e levaram cerca de R$ 895 mil reais usando transação. As contas invadidas são do Banco do Brasil.
A inteligência da instituição bancária informou a administração municipal, na tarde de terça-feira, dia 28, sobre a anormalidade nas transações.

Em contato com o Assessor Jurídico do município, Augusto Beuren, a conta invadida é do Fundo de Participação do Município de onde ocorrem todas as movimentações financeiras, incluindo pagamento de folha salarial e recursos de secretarias. Os valores sacados deram um prejuízo quase zerando as finanças do Poder Público.

De acordo com a Assessoria, uma ação foi movida contra a instituição bancária solicitando a devolução dos valores subtraídos. O município tenta agora todas as ferramentas disponíveis para que o prejuízo seja sanado. A Polícia Federal possivelmente deve ser acionada para este caso.

Confira a nota emitida pela Administração Municipal.

NOTA INFORMATIVA

A Prefeitura de Paim Filho informa que na data de ontem (27/04/2021) foi vítima de hackers, os quais fraudaram o sistema de segurança da conta corrente FPM do Município junto ao Banco do Brasil, realizando criminosamente três transferências, nos valores de R$298.984,49, R$296.756,44 e R$299.476,22. Ao tomar conhecimento da fraude, imediatamente foram tomadas as medidas policiais e judiciais cabíveis. Conforme os fatos forem se desenrolando a população será devidamente informada.

Com informações da TV On.

Respeite o investimento na reportagem e jornalismo da Studio. A reprodução de nosso conteúdo somente é autorizada com citação e link para a fonte, mantendo sua integridade.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios