GeralPolicial

Bombeiros encontraram corpo de menina de 13 anos após receber ligação do suspeito em Bom Princípio

Segundo a Rádio Comunidade do Vale, no início da tarde deste domingo, 05, às 14h13min, os Bombeiros Voluntários de Bom Princípio receberam uma ligação de um indivíduo informando que teria encontrado o corpo de uma menina no arroio Forromeco, próximo da ponte baixa que liga a RS 122 com o Bom Fim Alto, perto da boate Roque Santeiro. Segundo comandante dos bombeiros, Paulo Portinho, o indivíduo informou que teria ido pescar no local, mas não se identificou, e disse que a menina teria se afogado. Os bombeiros até suspeitaram que pudesse ser um trote, mas deslocaram até o local e iniciaram as buscas pelo arroio, mas nada foi encontrado. Na verdade era o próprio suspeito da autoria do crime que teria ligado para o quartel dos bombeiros. Após muita procura pelo mato e barrancos, os bombeiros encontraram o corpo da vítima, sem roupas e com sinais de estrangulamento e violência sexual.

Os bombeiros avisaram a Polícia Rodoviária Estadual, Brigada Militar e a Polícia Civil. Foi acionado o Instituto Geral de Perícias (IGM), que realizou a perícia no local. E o corpo foi removido, pelos próprios bombeiros, no final da tarde, sendo encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) para e necropsia que deverá elucidar a causa da morte.

Segundo a Brigada Militar, a mãe da vítima, moradora do Morro Tico-Tico, em Bom Princípio, esteve no Pelotão em Bom Princípio, onde informou que sua filha tinha sido vítima de sequestro por parte de seu ex-companheiro. O suspeito seria um indivíduo com quem a mãe da vítima teve um relacionamento. De acordo com a Polícia, o suspeito também teria falado com familiares e dito que teria feito “bobagem”. Ele já tem antecedentes policiais por dois crimes sexuais.

Carro encontrado

A Brigada Militar e a Polícia Civil seguem tentando localizar o suspeito de um crime bárbaro ocorrido na tarde deste domingo de Páscoa em Bom Princípio. Uma adolescente de 13 anos foi morta e o corpo foi encontrado na margem da RS 122. A suspeita é de que tenha sido vítima de seqüestro, violência sexual e homicídio.

Conforme o delegado Paulo Ricardo Costa, que está de plantão na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), o veículo do suspeito, um Fiat Uno Mille Fire, de cor branca, foi localizado próximo da rodoviária de Montenegro, com chave e celular no carro. De acordo com a Polícia, elementos de prova, que estavam na parte interna do veículo, assim como o automóvel, foram apreendidos e vão passar por perícia. Mas o suspeito, de 35 anos, ainda não havia sido localizado até o início da noite. Qualquer informação pode ser passada para o 190 da Brigada ou o 197 da Polícia.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Valorize o investimento na reportagem e jornalismo. Cópia somente com citação de fonte.

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios