Geral

Pagamento do novo auxílio começará dia 4 ou 5 de abril, diz Bolsonaro

Segundo o Portal Metropoles, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou nesta quinta-feira (25/3) que a nova rodada do auxílio emergencial começará a ser paga na próxima semana, no dia 4 ou 5 de abril.

“Auxílio emergencial começa na próxima, no início da semana que vem, dia 4 ou 5 começa o pagamento de mais quatro parcelas do auxílio emergencial. Que já é o maior programa social do mundo para atender exatamente aqueles que foram atingidos pela política do fique em casa, feche tudo”, disse o presidente, durante uma transmissão ao vivo nas redes sociais.

O retorno do benefício será em quatro parcelas, com valores específicos conforme o perfil de quem recebe. O valor médio dessa rodada é de R$ 250, mas pode variar de R$ 150 a R$ 375 a depender da composição de cada família.

Crítica a governadores

Em fevereiro, Bolsonaro defendeu que os governadores que “fecharem” os seus respectivos estados devem arcar com os custos do auxílio emergencial.

“O auxílio emergencial vem por mais alguns meses e, daqui pra frente, o governador que fechar o seu estado, o governador que destrói emprego, ele é que deve bancar o auxílio emergencial. Não pode continuar fazendo política e jogar para o colo do presidente da República essa responsabilidade”, disse o presidente durante um evento no Ceará.

Além disso, durante conversa com apoiadores, na última semana, o presidente criticou os governadores que criaram programas próprios de auxílio emergencial.

“O que nós temos mais de sagrado é a nossa liberdade. Parte da imprensa deturpou quando falei como é fácil ter uma ditadura no Brasil, no ano passado, naquela sessão que vazou. O pessoal vai devagar tirando seu ganha pão, você passa a ser obrigado e ser sustentado pelo Estado. Tem governador agora que está falando em auxílio emergencial, querem fazer o Bolsa Família próprio. Quanto mais gente vivendo de favor de Estado, mas dominado fica esse povo”, disse Bolsonaro.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Valorize o investimento na reportagem e jornalismo. Cópia somente com citação de fonte.

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios