GeralRegião

Jovem gaúcha é a primeira vereadora com síndrome de Down no Brasil

Hoje, dia 21 de março, celebra-se o dia Internacional da Síndrome de Down

Hoje, dia 21 de março, celebra-se o dia Internacional da Síndrome de Down. Na semana que antecedeu essa data, a gaúcha Luana Rolim de Moura, 26 anos, fez história na política. Uma reportagem produzida por GZH, que conversou com a jovem, relatou a situação. Com a licença do titular por problemas de saúde, Luana foi empossada vereadora em Santo Ângelo, nas Missões, e se tornou a primeira pessoa com síndrome de Down a ocupar cadeira em um legislativo municipal. O ineditismo é confirmado pela União dos Vereadores do Brasil (UVB) e pela Federação Brasileira das Associações de Síndrome de Down.

A jovem teve 633 votos em 2020 e ficou na suplência. Apesar de votação maior do que a de alguns eleitos, não ganhou a vaga devido ao quociente eleitoral do seu partido, o PP.

A vereadora diz ter perdido as contas de quantos elogios recebeu nos últimos dias. Para o presidente da Câmara de Santo Ângelo, Nader Hassan Awad (PSD), a posse representa “uma vitória da democracia, com uma visão de inclusão e inserção social”.

Provocada se tem planos de alçar voos maiores, como Câmara dos Deputados ou até mesmo a Presidência, ela ri mais uma vez. E pede calma:

— Presidente, quem sabe, um dia. Mas vamos ver, né?

Sobre o Dia Internacional da Síndrome de Down

Nesta data, são realizadas atividades e eventos para aumentar a conscientização pública e criar uma voz global única para defender os direitos, inclusão e bem-estar das pessoas com síndrome de Down.

A Síndrome de Down é uma alteração genética causada por erro na divisão celular durante a divisão embrionária. As pessoas apresentam características fisiológicas próprias e buscam, de forma geral, sua inserção na sociedade.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Valorize o investimento na reportagem e jornalismo. Cópia somente com citação de fonte.

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios