Geral

FECAM-RS se manifesta sobre protestos de caminhoneiros

Com relação a um grupo que realizou protestos durante esta terça-feira, 2, para pressionar o Governo do Estado sobre o cálculo do ICMS no combustível, a Federação dos Caminhoneiros Autônomos do RS (FECAM-RS) salienta que está acompanhando o caso com cautela.

O posicionamento da entidade e dos sindicatos associados é de que se aguarde os acontecimentos, pois atualmente com a Bandeira Preta em vigor no Estado não há como ter conclusões mais verdadeiras.

Segundo o presidente da FECAM-RS, André Costa, vive-se um momento delicado, por isso qualquer posição extrema pode causar prejuízos. Costa salienta que crê na consciência de cada indivíduo e defende que, se alguém desejar parar o que está fazendo em sua atividade para protestar, que possa fazer isso, mas em casa. “No caso dos caminhoneiros, pare o seu caminhão na frente de sua casa, fique com a sua família e cuide dela. Não vá para a pista incentivar o caos ou atentar contra colegas que não concordam com a sua opinião”, afirma ele, reforçando que todos são livres para pensar e agir, mas sem obrigar os demais a pensarem e agirem da mesma forma.

Neste momento, a recomendação da FECAM-RS é de que não é o momento para procurar protagonismo ou espaço em redes sociais e na mídia, pois muitas vidas já se perderam em função da pandemia. As demais discussões devem ser menores e menos prioritárias em relação à preservação da vida, como defende a entidade e os sindicatos associados.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Valorize o investimento na reportagem e jornalismo. Cópia somente com citação de fonte.

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios