EsportesStudio Sports

Ahhh, as fortes emoções do Gauchão! – Internacional 4×2 Ypiranga (Campeonato Gaúcho – 4ª Rodada)

Na noite deste domingo (14), o Internacional enfrentou o Ypiranga-RS em casa, pelo saudoso Gauchão. No que deveria ser a estreia do novo técnico, Ramírez, o Inter acabou indo a campo, sendo apenas orientado da arquibancada (e as vezes na fugidinha no campo) pelo mesmo.

Brincadeiras a parte, isso pode acabar gerando até mesmo punições, mas no lugar dele, faria o mesmo, pois ver seu time perdendo sem poder agir deve ser muito frustrante…com suas instruções e trocas, o time melhorou muito, buscou a virada e ainda fez parecer um placar extremamente confortável.

Um 4 a 2 de respeito, diria quem não viu o jogo desde o começo do primeiro tempo, porque até a metade do segundo, era um time atrapalhado, confuso, com muitos erros de decisão, o que até pode ser normal numa mudança completa de metodologia de trabalho, mas por Deus, o QI de alguns jogadores parece ser negativo para não conseguir entender instruções básicas de passe.

Imagens: Sport Club Internacional, divulgação

Marcos Guilherme deve ter voltado só para pegar as trouxas e vazar, podridão pura; linha de zaga querendo entregar mais que Delivery Much e dentre outras tantas falhas…

Felizmente o dedo do treinador se mostrou mais forte, trocas corretas, objetivas, o que tornaram a virada possível, com um placar extremamente favorável.

Seguimos juntos, com paciência, como disse Guerrero, “paciência torcedor”.

Vamo Inter!

COMO JOGARAM:

Danilo Fernandes – Pouco acionado e levou dois gols – 5,0

Rodinei – O primeiro entregador chegou, toma essa bola de graça – 4,5

Zé Gabriel – Boa noite senhor, Zé Delivery ao seu dispor – 4,0

Cuesta – Mais perdido que Uber de praia sem GPS – 4,5

Moisés – Voltou bem abaixo do que vinha mostrando – 6,5

Edenilson– O que salvou o time no primeiro tempo – 7,5

Nonato – Acho que nunca vai dar liga – 6,5

Praxedes – Cometeu um pênalti muito infantil, e estava muito abaixo – 5,5

Peglow – Quase não o notei em campo, bem modesto – 6,0

Marcos Guilherme – Só ficar indo pra frente e pra trás no campo não ganha jogo – 3,0

Yuri Alberto – O futuro se encontra aqui – 8,0

Caio Vidal – Hoje é o cara da ponta, joga fácil, com malandragem, é o cara! – 7,5

Patrick – Um pouco abaixo do seu normal, mas logo retoma a forma, é muito liso! – 6,5

Lindoso – Das palavras mais difíceis de se ter numa frase, Lindoso é um bom exemplo – 6,5

Paolo Guerrero – Ooooo o Guerrero voltoooou, e foi só entrar que já deu um tapa de qualidade que faltava, monstro! – 7,0

Galhardo – Impossível ser o mesmo goleador da temporada passada, mas tem um passe de muita qualidade – 6,5

Osmar Loss – Seguiu as orientações de Ramírez e trocou corretamente – 7,0

WILLIAN ZANELLA

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Valorize o investimento na reportagem e jornalismo. Cópia somente com citação de fonte.

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios