Notícias

Mesmo em bandeira preta, Agência dos Correios de Veranópolis seguirá funcionando

O serviço é considerado essencial, por isso, não haverá restrição de funcionamento

O município de Veranópolis, bem como a região da Serra Gaúcha, foi classificado na bandeira preta no mapa definitivo do distanciamento controlado. Com a suspensão da cogestão a partir do próximo sábado, dia 27, até o domingo, dia 07 de março, a localidade, bem como todo o estado, precisará seguir as medidas delimitadas pelo governo estadual, que são mais restritivas.

Entre um dos serviços, porém, que seguirão funcionando, por ser considerado essencial, são os Correios. Segundo a assessoria de imprensa da empresa, em nota, o atendimento ao público seguirá acontecendo, mantendo os cuidados necessários entre funcionários e público.

Leia o pronunciamento dos Correios para nossa reportagem na íntegra:

Por serem considerados serviço essencial, definido no Decreto nº 10.282/2020 da Presidência da República, os Correios estão com as agências abertas, atendendo a população. Vale lembrar que a empresa segue as regras definidas no Decreto Estadual e está atenta à proteção de empregados e clientes, utilizando os protocolos operacionais e profiláticos indicados em cada município.

Em Veranópolis, a agência dos Correios fica na Avenida Júlio de Castilhos, número 734, e atende de segunda a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h30min às 16h.

Os Correios colocam-se à disposição pelos telefones 3003-0100 (capitais e regiões metropolitanas) e 0800 725 7282 (demais localidades), ou pelo site www.correios.com.br/faleconosco para dúvidas ou sugestões.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Valorize o investimento na reportagem e jornalismo. Cópia somente com citação de fonte.

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios