Geral

Policiais Militares Ambientais do 3º batalhão da Brigada atendem denúncia de maus tratos em Nova Bassano

Na tarde desta quinta-feira (26/11), uma guarnição da 2ª Cia de Polícia Militar Ambiental de Caxias do Sul, realizou atendimento à denúncia de situação de maus-tratos do canil municipal de Nova Bassano na Serra Gaúcha.

Segundo a Patram, o canil operava sem licenciamento, o qual é emitido pelo poder público municipal. No local havia a manutenção de 88 cães, dos quais 40 (quarenta) são machos e 48 (quarenta e oito) são fêmeas.

Quando a guarnição chegou ao local não havia nenhum servidor no local para tratamento imediato dos cães, motivo pelo qual havia dois cães estavam soltos na área que não possui cerceamento.

Os cães ficavam acorrentados junto a uma casinha de madeira medindo aproximadamente 80 cm de largura X 80 cm de cumprimento X 1,00 metro de altura, com cobertura de zinco, local exposto constantemente ao tempo, possuíam ração e água, porém apresentavam indícios de que não eram trocadas constantemente, visto apresentarem sujeiras principalmente nas vasilhas d’água. Constatamos que os dejetos (fezes) eram depositados aos montes nos fundos do canil, a céu aberto.

Cabe salientar que os cães não apresentam lesões aparente conforme avaliação técnica verbal de um Médico Veterinário. Para tanto os cães não são castrados e a veterinária responsável ao ser questionada se os cães estavam devidamente vacinados e vermifugados, disse que sim, porém não apresentou nenhum documento de controle, tendo informado que na data de hoje as vacinas haviam chegado no município.

No momento da diligência ficou evidenciado o abandono do canil por não haver funcionários no local, ou qualquer pessoa para um atendimento se necessário.

Diante dos fatos constatados todos os envolvidos foram conduzidos ao plantão da Polícia Cívil para o registro da ocorrência.

Informações e fotos PATRAM.

📰 Quer receber as notícias da Studio no seu WhatsApp? Então faça parte de nosso grupo. Caso queira receber nossas notícias no Telegram, assine nosso canal.

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios