You dont have javascript enabled! Please enable it!

Notícias

Homicídios que ocorreram no município de Veranópolis estão interligados entre si e possuem relação com o tráfico de drogas

Cinco homicídios aconteceram no município de Veranópolis em 2020 | imagem: ilustrativa

No ano de 2020, cinco homicídios foram registrados no município de Veranópolis, sendo todos eles, segundo o Delegado da cidade, Tiago Madalosso Baldin, ligados ao tráfico de drogas. Dois destes casos aconteceram recentemente, no dia 06 de setembro em Sapopema e no dia 12 de setembro no bairro Pôr do Sol e ambos os delitos estão interligados, sendo um conflito entre facções.

– em Veranópolis nós temos duas facções distintas que estão em guerra há algum tempo […] para a tomada de determinados pontos ou mera demonstração de força – afirmou o delegado.

Em especial, o homicídio do dia 12, que teve como vítima, um homem de 36 anos que sofreu diversos disparos de arma de fogo, os criminosos foram detidos. Diante de informações sobre as características dos suspeitos, bem como dos veículos utilizados para o cometimento do crime, as guarnições da Brigada Militar iniciaram as buscas, sendo encontrados pela Força Tática, as margens da ERS 355 em um sítio, dois suspeitos, um homem de 26 e outro de 29 anos.

Com os dois homens presos em Sapopema, foram localizados e apreendidos dois coletes balísticos, uma pistola AZTK cal. 9 mm. com 16 munições, quatro buchas de cocaína e um veículo GM Onix com placa falsificada, para tanto, eles foram também enquadrados pelo delito de posse de arma de fogo, munições e acessórios de uso restrito, assim como receptação e adulteração dos elementos de identificação de veículo. Ainda segundo a Brigada Militar, todos os acusados e a vitima tem antecedentes policiais, a qualificação da vitima não foi divulgada devido a orientação institucional.

Segundo o Delegado o tráfico de drogas é o “carro chefe” da criminalidade no nosso município e microrregião. A Polícia Civil, junto aos demais órgãos de segurança pública, seguem trabalhando no enfrentamento da criminalidade, afirma Baldin.

Assista a entrevista com o Delegado e entenda os detalhes dos casos

ATENÇÃO! Quer continuar receber as notícias da Studio no seu WhatsApp? Então clique aqui e faça parte do novo grupo. Os grupos antigos deixaram de funcionar devido a uma atualização do WhatsApp.

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

3 Comentários

Clique aqui para fazer um comentário

error: Este conteúdo é protegido