You dont have javascript enabled! Please enable it!

Geral

Ele estava com a boquinha roxa e as mãozinhas geladas; diz mãe que matou o próprio filho em Planalto

Segundo o Portal RS Agora, após um mês Alexandra Dougokenski dar o primeiro depoimento em que assumiu ser responsável pela morte do próprio filho, Rafael Mateus Winques, de 11 anos, o Portal RS Agora teve acesso ao depoimento em que ela confessou o assassinato.

Durante o vídeo Alexandra diz por que comunicou o desaparecimento à polícia e o que a fez, cerca de 10 dias depois, assumir tê-lo matado, em Planalto.

“Eu sei que o [filho mais velho, que tem 17 anos] ia achar falta do irmão, e eu não sabia como contar”, disse a mãe, enfatizando que resolveu contar a verdade por conta do sofrimento dele.

Em um depoimento informal à Polícia Civil, Alexandra conta o que aconteceu com o Rafael na noite de 14 de maio.

“Eu dei remédio pra ele dormir. Diazepam. Dois [comprimidos]”, diz, em resposta ao interrogatório dos policiais.

Ela afirma que fez isso para o filho dormir, mas notou, depois, que ele não estava bem.

“Ele tava diferente. Tava com a boquinha roxa e as mãozinhas geladas”, descreve. “Não lembro da hora certa, era de madrugada.”

Os policiais perguntaram como ela retirou o corpo do quarto. “Eu não conseguia tirar ele assim, aí eu amarrei ele pra ver se conseguia melhor”, revela, explicando que usou uma “cordinha” para a ação.

Alexandra confessou que escondeu o corpo do filho em uma caixa de papelão que estava na garagem do vizinho, a cinco metros da residência dela.

“Eu coloquei ele deitadinho lá. Não sei se pus no fundo. Sei que tirei algumas coisas e coloquei deitadinho”, relata.

Os policiais perguntaram se ela teve ajuda de alguém, e ela nega. “Sozinha”, diz Alexandra.

Depois desse depoimento, no dia 25 de maio, ela levou os policiais até o local onde tinha escondido o corpo do filho. Ela foi presa temporariamente e teve, nesta semana, a detenção prorrogada por mais 30 dias no Presídio Feminino de Guaíba.

Quer receber as notícias da Studio no seu WhatsApp? Então clique aqui.

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

error: Este conteúdo é protegido