Notícias

Neste dia da Assistente Social, entenda como está funcionando o trabalho deste setor em Veranópolis

Neste dia da Assistente Social, 15 de maio, a Secretária de Desenvolvimento Social, Habitação e Longevidade, Fabiane Parise e a Coordenadora do CRAS, Luciana Matter, realizaram esclarecimentos sobre o trabalho desenvolvido pela pasta.

Sobre o perfil do próprio assistente social, Fabiane relembrou o fato de que o profissional deve ter bastante empatia, pois observa-se o problema das famílias que chegam com dificuldades e deve ser pensado com expertise qual a melhor maneira de ajudar aquelas pessoas.

Neste contexto o trabalho do CRAS é extremamente importante, ele que atende às famílias em situação de vulnerabilidade, tanto social como econômica, as quais realizam um cadastro prévio. O trabalho é feito, majoritariamente em grupos familiares, de jovens, de mulheres, entre outros. As atividades e os encontros são feitos para que ocorra um acompanhamento das famílias que estão de alguma forma em vulnerabilidade.

Momentaneamente, a procura pelos serviços da assistência tem sido maiores que o normal. Cerca de 15 famílias eram atendidas semanalmente, por cada assistente, agora mais de 60 estão sendo assistidas. Os número chegaram ao total, desde o início de março até hoje, de 2 270 atendimentos. O trabalho, segundo Luciana, está sendo feito de forma satisfatória, porém, a carga de trabalho está muito acima do normal.

Uma questão que chama muita atenção, afirmou Fabiane, é o fato de que, muitas pessoas que nunca precisaram de ajuda neste sentido, estão necessitando de auxílio. Muitos sentem-se frustrados e envergonhados pela situação que eles estão, Luciana afirmou que ocorrem muitos casos de choros em encontro, elucidando as dificuldades da situação.

Como podemos ajudar?

A contribuição de imposto de renda pode auxiliar fundos municipais. A dedução deste imposto foi postergado até o dia 30 de junho e cada pessoa, ao entrar em contato com seu contador, pode doar até 1% deste valor. Esta quantia destinada, será revertida para projetos do município, ou seja, este dinheiro permanecerá na cidade.

Demais doações, também, podem ser feitas. Ao total, 320 cestas já foram doadas, após serem montadas com produtos doados pela população. O município já adquiriu, também, cerca de 400 cestas básicas. Diante destes números expressivos, a Secretária reforçou a importância de que a população possa continuar realizando doações.

O principal pedido é de doação de produtos de higiene, em especial, fraldas de crianças. Valores em dinheiro podem ser doados por meio de uma conta organizada pelo Grupo Escoteiro São Luiz Gonzaga, no Sicredi, os dados são: 0167 – 516817.

Confira a entrevista completa

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios