NotíciasPolicial

POE de Nova Prata participou de ação que terminou com sete criminosos mortos em Paraí

A Guarnição da Força Tática (POE) com sede em Nova Prata mas que atua em toda microrregião também participou da Operação Angico que acabou culminando com a morte de sete criminosos e nenhum policial ou civil ferido na madrugada desta sexta-feira, 06 de março, em Paraí.

Segundo a guarnição o local da ação que é destaque em todo o país nesta manhã está isolado para o BOPE tirar os explosivos e liberar pra perícia criminal, as agências ficam de 30 a 50 metros no máximo de distancia uma das outras.

Relembre o fato

Conforme informações da Rádio Gaúcha, sete criminosos morreram em confronto com a Brigada Militar apósatacarem duas agências bancárias na cidade de Paraí, na serra gaúcha, na madrugada desta sexta-feira (6). O confronto ocorreu por volta das 2h. Segundo a Polícia Civil, nenhum policial ficou ferido.

A madrugada desta sexta-feira (06) foi movimentada na pacata cidade de Paraí, na Serra. Sete criminosos foram mortos em confronto com a Brigada Militar, após uma tentativa de assalto em duas agências bancárias da cidade.

O confronto ocorreu por volta das 2h da madrugada e segundo a Polícia Civil, nenhum policial ficou ferido e três criminosos usavam moletons da instituição. Os alvos dos assaltantes eram agências do Banco do Brasil e Sicredi situados na área central do município de cerca de 7,5 mil habitantes.

Ainda segundo informações da polícia, os bandidos estavam divididos em dois carros. Duas possíveis facções são responsáveis pelo ataque, que deixou vidros de vitrines quebrados e levou pânico aos moradores da cidade. O uso de explosivos na tentativa do roubo movimentou também as forças especiais de segurança, que isolaram o local. Denominada “Operação Angico” faz parte da ofensiva contra a operação de roubo e furto a bancos no Estado.

Não há informações de que algum bandido tenha conseguido fugir. Policial civil da cidade, Silvano Mezzomo informou que a quadrilha utilizava armas longas e pistolas. O grupo estava dividido em dois carros.

— Tem três criminosos mortos dentro da agência do Banco do Brasil e outros quatro nos arredores da agência do Sicredi — informou o policial ainda durante a madrugada.

Moradores acordaram com sequência de disparos

Os moradores de Paraí, município conhecido pela rotina de tranquilidade, foram acordados no meio da madrugada com o barulho dos disparos.

— Cena de faroeste. Foram mais de 200 tiros — disse um morador não identificado.

Ainda de acordo com moradores, lojas que ficam próximas às agências também tiveram as vidraças quebradas por conta do confronto.

Conforme a Brigada Militar, a ofensiva faz parte da Operação Angico, ação de prevenção a roubo e furto de bancos no interior do Rio Grande do Sul. Subcomandante geral da Brigada Militar, o coronel Vanius Cesar Santarosa confirmou que a corporação já tinha informações sobre um possível ataque a banco na serra gaúcha.

— Colocamos nossos agentes próximos de locais estratégicos. Foi uma ação cirúrgica, rápida. Os criminosos optaram pelo confronto. Houve intensa troca de tiros — disse.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios