You dont have javascript enabled! Please download Google Chrome!

Geral

Segundo meteorologistas, estiagem pode se agravar em algumas regiões do RS em março

Segundo a Sigma Meteorologia, a irregularidade da chuva com déficit de precipitação que começou em meados de novembro, e se acentuou muito no começo de dezembro vai proceguir, alerta a Sigma Meteorologia. O Rio Grande do Sul, sobretudo as regiões do Vale do Rio Pardo, Central, Costa Doce e Campanha vem sofrendo diretamente os efeitos falta de chuvas nos últimos meses. De acordo com o último levantamento da Defesa Civil, mais de 100 cidades registraram prejuízos devido a estiagem, destas, 86 decretaram situação de emergência. Em algumas cidades, os reservatórios de água usados para abastecimento da população já atingem níveis críticos.

Mediante a situação atual, o que os gáuchos podem esperar para o mês de março? Na análise das últimas rodadas de alguns modelos numéricos de previsão do tempo sub-sazonal, fica evidente que os próximos 30-45 dias pode-se agravar a situação da estiagem em grande parte do RS, principalmente em áreas da fronteira com o Uruguai. Tanto o modelo europeu (ECMWF), quanto o americano (CFSv2) indicam baixos índices pluviométricos durante o mês de março no RS que será prejudicial para as safras de soja, milho, fumo e aos olivicultores. Não só a agricultura sofre os impactos da seca no estado, os pecuaristas e ovinocultores também estão sendo afetados com a falta de pastagens para pecuária de corte e de leite que acarreta na perca de peso dos animais e influencia diretamente no sustento de milhares de família e desta forma, na economia do estado.

– Quer receber as notícias da Studio no seu WhatsApp? Então clique aqui e faça parte de nosso grupo.

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

error: Este conteúdo é protegido