You dont have javascript enabled! Please download Google Chrome!

Policial

Operação Combustão é deflagrada no combate a organização criminosa em Passo Fundo

Na manhã desta sexta-feira (21), a Polícia Civil, por meio da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) de Passo Fundo, deflagrou a Operação Combustão, com o objetivo de combater associação criminosa envolvida com tráfico de drogas e incêndios criminosos, além de ser responsável por ameaçar e agredir moradores da Vila dos Papeleiros e 7º céu, em Passo Fundo. Na ação, foram cumpridas 23 ordens judiciais, sendo 16 mandados de busca e apreensão, cinco de prisão preventiva e dois de internação, resultando na prisão de quatro pessoas e na apreensão de um adolescente.
Durante as buscas realizadas hoje, foram encontradas diversas porções de drogas, arma adulterada calibre .22, um revólver calibre .45, um rifle 7,62, camionete furtada, câmeras de monitoramento, 37 pacotes de cigarros e dinheiro
Conforme o delegado Diogo Ferreira, 14 pessoas estão sendo investigadas pelo crime de tráfico de drogas, praticado na Vila dos Papeleiros, que são lotes de terrenos invadidos, em situação irregular, onde o crime havia tomado conta. “Moradores estavam sofrendo represálias dos traficantes, com toque de recolher e casas incendiadas, em 9 meses, três casas e outros casebres foram incendiados. No local, também houve uma tentativa de homicídio em 2018, investigada pela Delegacia de Homicídios, que também auxiliou na investigação com elementos probatórios sobre a organização criminosa”, relatou o delegado.

Com o decorrer das investigações, foi constatado que o grupo criminoso começou a atuar em outras cidades da região, montando pontos de tráfico de drogas em Panambi. Alguns integrantes foram presos em flagrante em dezembro de 2018. Em fevereiro de 2019, também foram realizadas diversas ações de combate ao tráfico praticado por este grupo criminoso atuante na cidade. Em um mesmo local, ocorreram ao longo do ano inúmeras prisões em flagrante, apreensões de drogas e apreensões de adolescentes.

O grupo começou a atuar em Marau, onde também tentou estabelecer pontos de tráfico de drogas na cidade, onde também ocorreram diversas prisões em flagrante por tráfico de drogas em razão de investigações realizadas pela DP de Marau. Ainda, em Marau, o grupo criminoso também planejava ataques e execuções de rivais do tráfico, sem êxito.

As buscas foram realizadas com apoio operacional da Polícia Rodoviária Federal e Brigada Militar, que auxiliaram na segurança do perímetro e também abordagens no entorno do local onde as buscas estão sendo realizadas. A operação foi efetuada com a participação de todas as forças de segurança pública da cidade demonstra a união e pensamento único de combate ao crime organizado, além de favorecer a troca de informações constante entre as Instituições. Participaram da operação 75 policiais civis, 73 policiais militares e nove policiais rodoviários federais.

“Sabe-se que o tráfico de drogas é um dos maiores crimes que assola a sociedade brasileira. Boa parte dos índices criminais relacionados a homicídios, furtos e roubos estão diretamente relacionados ao tráfico. Dessa forma, Operações como a realizada nesta manhã, dão uma resposta a sociedade, fechando pontos de tráfico de drogas, prendendo traficantes e criminosos. Pois enquanto se mantiverem recolhidos ao sistema prisional, não estarão nas ruas praticando crimes”, ressaltou Ferreira.

– Quer receber as notícias da Studio no seu WhatsApp? Então clique aqui e faça parte de nosso grupo.

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

error: Este conteúdo é protegido