You dont have javascript enabled! Please download Google Chrome!

Geral

Motorista embriagado que furou blitz e atropelou policial em Santa Maria é denunciado

A Promotoria de Justiça Criminal de Santa Maria apresentou denúncia, nesta segunda-feira, 09, ao motorista Dilamar Vieira Borges por cinco fatos: os crimes de tentativa de homicídio doloso duplamente qualificada (por recurso que dificultou a defesa da vítima e pelo crime ter sido cometido contra policial militar, o que torna a tentativa de homicídio hedionda), desobediência (duas vezes), resistência e embriaguez ao volante.

O MP argumentou ao Judiciário de Santa Maria a importância da manutenção da prisão preventiva, pois, conforme as investigações da autoridade policial que, em outras situações, há indícios de o denunciado já ter dirigindo em estado de embriaguez. Conforme a promotora de Justiça Giani Saad, isso mostra, “sobretudo pela ação que desencadeou, em local comum de reunião de jovens para confraternizar, que sua liberdade pode colocar em risco a incolumidade pública”.

O CASO

Os crimes ocorreram por volta das 23h de 25 de agosto deste ano. Borges atropelou um policial militar depois de ter furado uma blitz da Operação Balada Segura na Rua Tamanday, em Santa Maria. Durante a tentativa de fuga, o motorista também colidiu com outro carro. Conforme as investigações, o jovem, que dirigia um Corsa, não obedeceu quando um dos agentes da Coordenadoria de Trânsito e Mobilidade Urbana (CTMU) pediu que ele parasse. Ao seguir com o veículo, ele atropelou um policial militar, que ficou preso sobre o capô do carro por cerca de 200 metros até que o veículo parou depois de bater em outro carro. Com a colisão, o policial militar caiu embaixo do automóvel do denunciado.

Segundo a denúncia, Dilamar Borges apresentava sinais de embriaguez e, no carro dele, foram encontradas garrafas de bebidas. O policial militar sofreu uma fratura no pé direito, na altura do tornozelo, além de outras lesões decorrentes do crime. Dilamar Borges foi preso em flagrante e sua prisão foi convertida em preventiva depois de pedido da Polícia Civil, com manifestação favorável do MP.

Informações MP RS.

– Quer receber as notícias da Studio no seu WhatsApp? Então clique aqui e faça parte de nosso grupo.

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Agenda | Próximos Eventos

  1. Fenachamp 2019

    3 outubro | 08:00 - 27 outubro | 17:00
  2. XXIV Baile de Casais | Caravággio Vila Flores

    19 outubro | 22:30

WhatsApp

error: Este conteúdo é protegido