You dont have javascript enabled! Please download Google Chrome!

Resenhas Studio Sports

Baile na Arena – Grêmio 6×1 Avaí (Campeonato Brasileiro – 21ª Rodada)

Tenho cada vez mais convicção de que Renato Portaluppi está cheio de razão! Realmente, o Grêmio joga o melhor futebol do Brasil!

Infelizmente o Brasileirão novamente não foi prioridade e tenho a leve impressão de que se tivéssemos dado mais atenção, estaríamos na disputa pelo primeiro lugar.

A partida com o Avaí não seria determinante para as pretensões gremistas no campeonato, até porque deveremos brigar pela vaga na Copa Libertadores de 2020, e isso de fato deverá acontecer. Determinante é não perder pontos em casa, especialmente para adversários extremamente inferiores ao Grêmio, como é o caso do Avaí e de tantos outros clubes.

Claro que uma vitória é importante, mas o Grêmio caminha a passos largos para garantir vaga na próxima Copa Libertadores da América. Não estou nem contando a possibilidade de ser campeão na atual edição. O que fica é uma certa frustração, pois sabemos que teríamos time suficiente para ser campeão brasileiro. Quem sabe, nos próximos anos chegue o momento de priorizar a competição nacional e voltar a ser definitivamente o melhor time do Brasil.

Tratando diretamente do jogo contra o Avaí, foi um verdadeiro baile, passeio, vitória massacrante. Não tratemos apenas como superioridade gremista, mas também na visível inferioridade do time catarinense, que apesar de ser campeão no seu estado, apresenta inúmeras falhas de marcação e posicionamento.

Golear o Avaí por 6 a 1 não significaram apenas os três pontos, mas chegar a disputa da Semifinal da América com estima elevada, confiança e, principalmente, com a volta por cima de Luan. O Rei da América em 2017 parece ter retomado o bom futebol e a credibilidade.

A equipe gremista está pronta para enfrentar o Flamengo, tem todas as condições técnicas e psicológicas de vencer o super elenco carioca e quem sabe ser pela quarta vez o melhor time do continente.

NOTAS:

Paulo Victor – Praticamente não participou do jogo – 7,0

Galhardo – Ainda está abaixo do que apresentou na última passagem pelo Grêmio. Pode ser melhor – 5,0

David Braz – Zagueiro artilheiro. É quase titular – 7,0

Kannemann – Jogou sério, como sempre. Firme em todos os momentos – 7,0

Cortez – Fez um belo gol. Marca bem, mas continua com dificuldades nos cruzamentos – 6,0

Michel – É o cão de guarda tricolor. Dá resguardo a zaga e é perigoso no ataque – 8,0

Matheus Henrique – É o motor do time. Marca e ataca – 8,0

Luciano – Fez uma bela partida e balançou as redes pela primeira vez como jogador do Grêmio – 7,0

Luan – Foi o grande destaque do jogo. Tomará que tenha voltado a fase de 2017 – 9,0

Everton – A surpresa foi não ver um gol dele, mas como de costume, jogou bem – 7,0

Tardelli – O dono do ataque. Fez o primeiro gol e participou ativamente do jogo. Está cada vez mais titular – 8,0

André – Foi oportunista e marcou um gol – 7,0

Léo Moura – Voltou a jogar uma partida oficial. Até a volta de Leonardo Gomes, deverá ser o titular da posição – 6,0

Patrick – Entrou para os minutos finais. Tem talento e futuro no Grêmio – 6,0

Renato Portaluppi – Colocou em campo o que tinha de melhor. Será determinante para avançarmos pelo Flamengo – 8,0

Romeo Tedesco

Imagens Grêmio FPBA, divulgação.

– Quer receber as notícias da Studio no seu WhatsApp? Então clique aqui e faça parte de nosso grupo.

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Agenda | Próximos Eventos

  1. Fenachamp 2019

    3 outubro | 08:00 - 27 outubro | 17:00
  2. Onze20 | SOAL

    7 dezembro | 23:00

WhatsApp

error: Este conteúdo é protegido