Policial

BM apreende cerca de R$ 20 mil que seria parte do dinheiro roubado em assalto a banco em Porto Xavier

A Brigada Militar prendeu, no sábado (11), duas mulheres e um homem com cerca R$ 20 mil e um revólver calibre 38, em Campina das Missões, no noroeste do Rio Grande do Sul. O valor seria parte do dinheiro roubado durante assalto a uma agência do Banco do Brasil, em Porto Xavier, no fim de abril, segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP).

Os policiais chegaram até uma das mulheres após denúncia de que ela estaria realizando compras de alto valor usando notas úmidas e sujas. A suspeita foi abordada ao chegar de carro em casa.

A residência dela fica quase em frente ao local onde um dos veículos da quadrilha que atacou o banco foi localizado, segundo a SSP. Na abordagem, foi localizada no veículo uma bolsa com o dinheiro.

A mulher afirmou que possuía mais de R$ 20 mil e autorizou a entrada dos policiais na casa. Durante a revista, os PMs encontraram o revólver, calibre .38, com registro vencido desde março de 2014.

Mãe, filha e avô foram detidos em flagrante pelo crime de receptação e encaminhados à Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de Santa Rosa. Os três, que não tiveram os nomes divulgados, alegam que acharam o dinheiro na região do cerco ao bando que participou do roubo ao banco em Porto Xavier.

Foram apreendidos com o trio as compras (aproximadamente no valor de R$ 1.150) feitas pela mulher, o revólver e o dinheiro em espécie ainda não contabilizado (mais de R$ 20 mil).

Até o momento, cinco suspeitos de participar do roubo foram presos, um morreu em confronto e outro foi encontrado morto. Um dos assaltantes segue foragido.

O soldado da BM Fabiano Heck Lunkes, 34 anos, morreu durante o cerco aos criminosos após ser baleado com um tiro de fuzil. Ele deixou esposa e um filho de quatro anos.

Com informações do Portal Gaúcha ZH, fotos divulgação BM.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Alert: Conteúdo Protegido

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios