GeralPolicial

Homem ameaça companheira, atira contra policial e é preso em Mato Leitão

Um homem de 55 anos foi preso na madrugada desta segunda-feira (4) após ameaçar a companheira com arma de fogo e atirar contra policiais miltares em uma residência da rua Cônego Pedro Henrique Vier, centro de Mato Leitão. A ação policial iniciou por volta das 22h40min desse domingo, mas só foi encerrada com a prisão do acusado após um cerco policial que durou mais de quatro horas e contou com reforço de guarnições de Venâncio Aires e Santa Cruz do Sul.

Segundo informações da Brigada Militar, a ocorrência iniciou quando uma guarnição de Mato leitão foi até o local para atender uma ocorrência de Maria da Penha, onde o acusado teria ameçado a companheira com o uso de uma arma de fogo. Ao chegar no local, o homem saiu do imóvel e atirou contra o policial. O brigadiano então pediu reforço, momento em que o acusado se trancou na casa. Ele seguiu efetuando disparos, mas após horas de negociações com os policiais acabou se entregando.

O homem, que não tinha antecedentes policiais, foi preso em flagrante por tentativa de homicídio contra o policial militar e levado para a Penitenciária Estadual de Venâncio Aires (Peva). Na casa foi apreendido um revólver da marca taurus calibre 38 com sete munições. A mulher, vítima das ameaças, havia conseguido sair de casa antes da chegada da Brigada Militar. Ela sofreu um corte no rosto quando caiu de uma escada.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Valorize o investimento na reportagem e jornalismo. Cópia somente com citação de fonte.

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios