You dont have javascript enabled! Please download Google Chrome!

Resenhas Studio Sports

Obrigado 2018, bem-vindo 2019 – Grêmio 1×0 Corinthians (Campeonato Brasileiro – 38ª Rodada)

E após a vitória sobre o Corinthians neste domingo (02), terminamos mais um ano com títulos e ótima colocação no Temerzão. A dupla Romildo/Renato em 2019, dando seguimento na melhor parceria dirigente/técnico no Brasil. Com um elenco bom tecnicamente, mas limitado na quantidade, Portaluppi soube administrar muitos jogos em poucos dias. Não só o físico foi exigido, mas o psicológico conta muito quando tu tens mata-mata e pontos corridos ao mesmo tempo. Em nenhum momento vimos crise, saída da curva ou mudança de rumo. Grupo fechadíssimo, direção dando respaldo e discreta nas atitudes. Jogadores mais experientes dando cobertura para os jovens que terminam o ano fortalecidos.

Mas a saída antecipada do Arthur, Luan começando a sentir com mais intensidade a lesão na planta do pé, dividiu o ano Tricolor. Antes da Copa, pintávamos como favoritos de todos os campeonatos, o time jogando muito, até melhor que 2017. E com mais recursos no banco, inclusive. Apostaria que nem o Palmeira do Felipão teria vida fácil, se o Arthur permanecesse e o Luan não sentisse a lesão.

Todo o trabalho duro do meio-campo ficou nas costas do “Professor Maicon”, aí não tem saúde que aguente, ainda mais com 33 anos. Mesmo assim, o Renato, na sua genialidade nata, conseguiu organizar o time até o final do ano, “não desandou a maionese”. E tinha tudo pra desandar…

Financeiramente, Romildo e cia venderam bem, foram responsáveis nos gastos, deixaram o clube organizado pra 2019 e podendo gastar um pouco mais nos futuros reforços. Devido a essa organização financeira que pôde investir na renovação do Portaluppi. Foi um trunfo, com certeza, que ajudou na decisão do Renato ficar.

Voltando ao time em 2018, nos jogos contra Flamengo e River Plate, notou-se claramente que estávamos jogando no limite técnico e físico. Sentindo a falta de um meio-campo mais jovem, rápido.

No ataque, dependemos o ano todo de Luan e Everton. Quando perdemos um, o outro ficou órfão e não tinha quem desse conta do recado. Na zaga, sentimos a falta de quantidade pra repor. Mesmo assim, demos MUITO trabalho aos adversários. Sinal do ótimo trabalho de todo o grupo.

Acredito demais que em 2019 voltaremos mais fortes ainda, o elenco mantendo a base de jogadores campeões, junto com jovens estruturados e reforços cirúrgicos.

Sobre a partida, dominamos no primeiro tempo, a goleada não veio por detalhes de finalização. O segundo tempo foi com pé no freio. O Corinthians, mesmo sem muita organização, só avançou mais na base da vontade. Everton tentou puxar alguns contra-ataques, mas foi parado pela zaga nas faltas. E era isso!

NOTAS:

Paulo Victor – Muito seguro, como vem nos últimos jogos, mas pouco exigido na última partida – 6

Léo Moura – O maior gato dos últimos tempos. Não tem 40 anos de jeito nenhum – 7

Kannemann – Me engravida de gêmeos! Não joga, dá show! – 7

Michel – Foi competente na missão de zagueiro – 6

Cortez – Apoiou muito, atuação segura de novo – 7

Ramiro – Mais uma vez correndo muito, esforçado, mas ainda travado – 5

Cícero – Ajudou bem o Maicon, nenhuma maravilha mas cumpriu com o dever – 6

Maicon – Quando está fisicamente 100%, como nesse jogo, é um ET! – 8

Ramiro – Mais uma vez correndo muito, esforçado, mas ainda travado – 5

Alisson – Obrigado Cruzeiro! Vai brilhar muito em 2019, guri é liso – 7

Everton – Grande partida no primeiro tempo, destruiu com o lado direito do Corinthians. No segundo, foi a válvula de escape nos contra-ataques – 8

Jael – Fez o gol do G4 e boas paredes (poderia ser pedreiro), mas bom reserva pra 2019 – 6

Matheus Henrique – Esconde bem a bola, não é afobado, grande promessa para a próxima temporada – 6

Douglas – O maestro merece nosso respeito, independente da bola que jogou – 5

André – Não vou jogar a toalha, porque ninguém desaprende a jogar e vai pegar pré-temporada – sem nota (ficou em campo 12 minutos)

OBS: Renato Portaluppi – Sugiro não darmos mais nota a esse cidadão, essa lenda viva, esse semi Deus! Nota se dá aos mortais!

Rodrigo Di Leone

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Agenda | Próximos Eventos

  1. Natal na SOAL

    24 dezembro | 23:30
  2. 8º Encontro de Carros Antigos e Aviões

    domingo, 14 abril | 08:00

WhatsApp


error: Este conteúdo é protegido