GeralPolicial

Assista: Assaltantes que atacaram bancos em Trindade do Sul são mortos em confronto com a BM neste domingo

No início da tarde deste domingo, criminosos entraram em confronto com homens da Brigada Militar e foram mortos, em um matagal, no interior do município. Nenhum policial ficou ferido. O grupo estava refugiado na mata e com cercados pela polícia, desde a última quarta-feira, quando atacaram duas agências bancárias na área central de Trindade do Sul.

Dos cinco assaltantes que trocaram tiros com a polícia, quatro deles morreram. O quinto foi socorrido com vida ao hospital da cidade e foi transferido, em estado grave, a um hospital de Passo Fundo logo após.

Conforme a Rádio Trindade, o conflito ocorreu na ERS 324, próximo ao Assentamento 29 de Outubro. Os bandidos estavam saindo de um mato próximo a rodovia, quando foram surpreendidos pela polícia, que entraram em confronto. A mobilização da polícia continua atrás de mais dois indivíduos que deram fuga em direção à Gramados dos Loureiros.

Durante o assalto, ocorrido na última quarta-feira, os assaltantes usaram o modelo “cangaço” para invadir os bancos Banrisul e Sicredi, que consiste em usar moradores e funcionários dos bancos como escudo humano. Após a fuga, os criminosos fugiram em direção a um matagal, onde abandonaram um Citroen C3 furtado em Novo Hamburgo, quando deu-se início a um cerco policial, que durou até este domingo.

Ontem, dois homens contratados para fazerem o resgate da quadrilha na cidade foram presos pela Brigada Militar. Cada um deles receberia R$ 10 mil pela corrida, segundo informou a GaúchaZH. Com eles, a polícia apreendeu celulares, que indicavam a relação deles com o bando que estava refugiado no mato. Os homens, de 23 e 35 anos, estavam em um Volkswagen Polo de cor escura. Eles são de Chapecó/SC.

Com informações da Rádio Trindade e do Portal O Diário, foto e vídeos divulgação.

Receba as notícias da Studio via WhatsApp

Receba as notícias da Studio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios